‘No Sofá Amarelo” conta história do SóNotíciaBoa’: assista!

Foto: divulgação/ No Sofá AmareloFoto: divulgação/ No Sofá Amarelo

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa

Como surgiu, por que foi criado, o que pretende, o que as pessoas pensavam e pensam hoje sobre o SóNotíciaBoa?

Perguntas que muita gente me faz, eu tive a oportunidade de responder no programa “No Sofá Amarelo”, do meu amigo Manu Militão que é diretor de arte, cenógrafo, diretor de imagem, artista plástico, pedagogo… (vídeo abaixo)

A superprodução desta vez foi gravada no telhado de um edifício de 14 andares no centro de Brasília, com toda a paisagem da capital federal como cenário.

O No Sofá Amarelo, prima pela qualidade, pela bela fotografia, pela sensibilidade, pela edição de cinema, e pelo tema principal: a importância da leitura na vida das pessoas.

Manu Militão - Foto: divulgação / No Sofá Amarelo

Manu Militão – Foto: divulgação / No Sofá Amarelo

No Sofá Amarelo

Cada programa é gravado em um local inusitado, diferente. Já teve locação na praia, no mato, perto do trilho do trem e agora no alto de um prédio.

A série começou em 2013, quando foi exibido pela TV Globo de Brasília e é feito por 12 profissionais.  23 convidados foram entrevistados, em seis meses de programa, que é semanal.

“Um Sofá, um convidado, um lugar inusitado, uma conversa e muitas sensações com um universo que a leitura proporciona!”, esta foi a ideia de Manu, que viveu 13 anos em Portugal.

“Em Portugal e em grande parte do resto da Europa, percebi que os jovens liam muito, e em qualquer lugar. Aquilo me intrigava. No metrô, na ônibus, restaurantes, filas de espera, enfim, eu achava curioso aquele hábito que mais parecia uma tradição”, lembra.

“Quando regressei para o Brasil, decidi fazer algo que despertasse nas pessoas o prazer de ler, por entender que a leitura podia e pode libertar e não só. A leitura dá autonomia!. “O conhecimento liberta”, sempre ouvimos dizer, a leitura é a chave que abre os grilhões!”, diz.

Apaixonado pelo magistério, que dá um sentido de missão e de responsabilidade social a Manu, ele torce para que “um dia este país possa trazer como característica da sua identidade a educação como a sua principal cultura!”

Chamada do SóNotíciaBoa

“De tanto dar notícias ruins, sua saúde começou a dar sinais de que precisava de mais sorrisos. Assim, este jornalista criou um site só com conteúdos positivos. Rinaldo de Oliveira é o convidado de hoje No Sofá Amarelo. Confira!

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.