Japonês vai trabalhar 10 anos a menos para se aposentar

Foto: KyodoFoto: Kyodo

O governo japonês dá exemplo ao Brasil e nos faz perguntar: por que lá dá certo e aqui não?

Em vez de aumentar o tempo de contribuição do trabalhador, o Parlamento japonês aprovou uma reforma da lei na previdência que faz justamente o contrário: reduz o tempo mínimo de contribuição para aposentadoria, de 25 anos para 10 anos.

Aqui, o governo Temer quer aumentar para 49 anos o tempo de contribuição.

Continue Lendo