“Medicina e Espiritualidade” vira disciplina em universidade

Foto: Heloísa Costa/ Acom UnitauFoto: Heloísa Costa/ Acom Unitau

Uma universidade brasileira está formando médicos mais “humanos”, usando a espiritualidade.

A Universidade de Taubaté (Unitau) é a primeira do Brasil a oferecer a disciplina “Medicina e Espiritualidade”.

A matéria, que pretende levar o entendimento das questões espirituais e sua relação com a saúde, passou a ser obrigatória na grade curricular da universidade. Ela era optativa desde 2011 e tinha um número limitado de vagas.

Continue Lendo