Ciência a um passo de encontrar “cura” para obesidade

Stan Laurel e Oliver Hardy - O Gordo e o Magro - Foto: reproduçãoStan Laurel e Oliver Hardy - O Gordo e o Magro - Foto: reprodução

A obesidade pode ter “cura”. Foi o que descobriram pesquisadores da Universidade de Monash, na Austrália.

Eles identificaram como o cérebro administra a insulina no corpo, um importante hormônio sintetizado pelo pâncreas, que metaboliza os açúcares no sangue e coordena os gastos e as conservação de energia.

Os cientistas conseguiram determinar, pela primeira, vez qual é o exato mecanismo do cérebro que estimula o corpo a armazenar gordura.

Continue Lendo