Sai lista dos países mais seguros do mundo pra se viver

Islândia - Foto: reprodução / KangarooToursIslândia - Foto: reprodução / KangarooTours

Saiu o ranking dos países mais seguros do mundo. O levantamento foi feito pelo Instituto para a Economia e Paz, que é sem fins lucrativos, fica na Austrália e classifica 163 nações de acordo com seus “níveis da paz”.

O Global Peace Index baseia suas avaliações em três temas – segurança social e segurança, conflitos domésticos e internacionais e o grau de militarização.

Islândia venceu este ano. É o país mais seguro da Terra, de acordo com o Global Peace Index 2017.

Coincidência ou não, o país é justamente o que conseguiu conter as drogas entre seus jovens. Veja aqui

A Islândia é um país nórdico insular europeu situado no oceano Atlântico Norte.

Seu território abrange a ilha que leva o mesmo nome e algumas pequenas ilhas no oceano Atlântico, localizadas entre a Europa continental e a Groenlândia.

Em seguida no ranking aparecem Nova Zelândia, Portugal, Áustria e Dinamarca. (Veja ranking abaixo)

Brasil.

O Brasil, com seus escândalos, instabilidade política e social, caiu 3 posições e foi para o 108º lugar.

Na América Latina nosso país perde para o Chile, Costa Rica, Uruguai, Panamá, Argentina, Equador, Paraguai, Bolívia e Cuba.

Os EUA também caíram, mas 11 lugares. Foram para 114 na lista de 2017.

O Reino Unido subiu seis lugares para 41º (1.786).

O país menos seguro do mundo é a Síria (3.814), diz o IEP.

Veja o ranking dos 10 países mais seguros do mundo. Os menores resultados compostos globais refletem um maior grau de paz:

  1. Islândia: 1.11
  2. Nova Zelândia: 1.241
  3. Portugal: 1.258
  4. Áustria: 1.265
  5. Dinamarca: 1.337
  6. República Tcheca: 1.360
  7. Eslovênia: 1.364
  8. Canadá: 1.371
  9. Suíça: 1.373
  10. (empatados) Irlanda / Japão: 1.408

Veja o mapa completo:

paises-seguros-mapa-1 ranking-paises-3

paises-seguros-ranking-2

ranking-paises-seguros-fim

Com informações do IndependentIEP e SNB

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.