Professora de aldeia indígena ganha Prêmio Educadora do Ano

Elisângela Dell-Armelina Suruí - Foto: Carol Moreno / G1Elisângela Dell-Armelina Suruí - Foto: Carol Moreno / G1

A professora Elisângela Dell-Armelina Suruí, de 38 anos, ganhou o prêmio Educadora do Ano 2017 por seu projeto de alfabetização na língua indígena Paiter Suruí em Cacoal.

Formada em pedagogia a distância ela trabalha em uma escola rural indígena no interior de Rondônia.

Elisângela dá aulas na Escola Indígena Estadual de Ensino Fundamental e Médio Sertanista Francisco Meireles.

Continue Lendo