Cordilheira submersa no Brasil pode ter maior reserva marinha do Atlântico

Cordilheira submersa entre Vitória e a ilha de Trindade - Foto: João Luiz Gasparini/DivulgaçãoCordilheira submersa entre Vitória e a ilha de Trindade - Foto: João Luiz Gasparini/Divulgação

Uma cordilheira submersa na costa do Espírito Santo logo poderá se tornar uma das maiores reservas marinhas do mundo.

Dona da maior variedade de espécies que vivem em recifes entre todas as ilhas brasileiras, a cadeia é composta por cerca de 30 montes submarinos de origem vulcânica entre a cidade de Vitória e a ilha de Trindade, a 1.200 km do continente.

“Uma floresta tropical no fundo do mar” – é assim que o biólogo capixaba João Luiz Gasparini descreve cordinheira.

Continue Lendo