Trocou o direito por petit gâteau na caneca e fatura 3 milhões

Camila Felix / The Shaky - Foto: Divulgação/Leo BarrilariCamila Felix / The Shaky - Foto: Divulgação/Leo Barrilari

Se você anda insatisfeito com o seu trabalho, veja a história desta advogada, que largou o direito, abriu uma sorveteria diferente e já está com 11 unidades espalhadas pelo Brasil e uma no Paraguai.

Camila Felix tem 30 anos, é de Lins, no interior de São Paulo e trabalhava no Ministério Público quando decidiu abrir uma sorveteria com o noivo para ser uma “terceira renda” .

O negócio deu tão certo que os dois abandonaram os empregos para se dedicar em tempo integral à The Shaky, sorveteria que faturou 3 milhões em 2017.

Continue Lendo