Tônico da UFMG combate a calvície: começa venda

Antes e depois de Marcelo Aparecido da Silva - Fotos: arquivo pessoalAntes e depois de Marcelo Aparecido da Silva - Fotos: arquivo pessoal

A esperança para calvos e carecas vem do Brasil. Cientistas da UFMG criaram um tônico capilar que combate a calvície – alopécia androgenética – por meio de um princípio ativo encontrado no corpo humano.

Ele se chama Sanctio e foi descoberto após 30 anos de pesquisas no Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Nanobiofarmacêutica da universidade, em Belo Horizonte. Os cientistas pesquisavam remédios contra a pressão alta.

“O cosmético favorece o aparecimento de novos fios, melhora a qualidade do cabelo e combate a queda. Os resultados dos estudos se mostraram muito eficazes. Em 66% dos casos, a densidade capilar aumentou e em 30% houve crescimento de novos fios”, disse o professor Robson Santos, coordenador da pesquisa ao G1.

Continue Lendo