Funcionário gentil com autista ganha meio milhão de reais

Jordan Taylor e Jack Ryan Edwards - Foto: reprodução / FacebookJordan Taylor e Jack Ryan Edwards - Foto: reprodução / Facebook

Jordan Taylor foi apenas gentil e atencioso com um jovem autista e não imaginava que a atitude simples, de respeito, iria mudar sua vida e provocar uma verdadeira corrente do bem.

Jordan é funcionário de uma mercearia em Baton Rouge, Louisiana, nos EUA.  Na semana passada, quando ele estava reabastecendo as prateleiras de suco de laranja, notou um adolescente autista de 17 anos o observando atentamente.

Era Jack Ryan Edwards. Ele não parava de olhar o trabalho. Taylor perguntou a Ryan se ele gostaria de ajudá-lo no seu serviço. O garoto fez sinal de positivo e juntos eles reabasteceram as prateleiras de suco de laranja meia hora.

“Um milagre”

O pai do adolescente ficou comovido com o gesto de compaixão do funcionário e começou a gravar imagens do filho interagindo e trabalhando… algo raro para Ryan.

“Todos nós sabemos que o autismo dificulta sair e, às vezes, as mercearias podem ser um desafio”, escreveu Delaney. “Poderia ter ignorado ele. Poderia ter dado uma desculpa e dizer que não era permitido que o ajudasse. Em vez disso, deixou que ele tivesse seu momento e deu a minha família um momento que jamais esqueceremos”, disse a irmã mais velha de Ryan, Delaney, nos dois vídeos que postou no Facebook.

Ela elogiou a gentileza de Taylor: “Pode parecer nada para as outras pessoas, mas como você pode ouvir meu pai dizer no vídeo, [‘Estou vendo um milagre acontecer’].”

Corrente do bem

Delaney disse que Jordan encorajou Jack Ryan ao terminar cada tarefa e ela quis saber mais sobre o rapaz que ajudou o irmão.

A jovem descobriu que Jordan ama matemática e que gostaria de ser um educador algum dia.

Sensibilizada Delaney criou a campanha “Vamos mandar Jordan para a Faculdade”, na página no GoFundMe, para arrecadar 100 mil dólares e pagar a faculdade de Taylor.

Deu certo! O post viralizou rapidamente. Milhares de pessoas doaram para a campanha, agradeceram ao funcionário por sua linda atitude e agora, uma semana depois, a campanha estourou a meta: passou de 124 mil dólares – quase 460 mil reais.

Carro e emprego

E teve mais: a boa ação de Taylor atraiu uma cooperativa de crédito da cidade, que doou um carro para a família de Taylor.

Como o bem vai e volta, a onda positiva continuou reverberando.

Representantes da mercearia entraram em contato com Ryan e ofereceram um emprego pra ele na loja, depois que assistiram aos vídeos onde aparece trabalhando com Taylor.

Delaney. e Jordan Taylor - Foto: GoFundMe

Delaney. e Jordan Taylor – Foto: GoFundMe

Assista aos vídeos:

Com informações do GNN

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.