Cachorrinha com tumor ganha crânio impresso em 3D

FOTO: MICHELLE OBLAK/UNIVERSITY OF GUELPHFOTO: MICHELLE OBLAK/UNIVERSITY OF GUELPH

Uma nova chance de vida para Patches, uma cadelinha da raça Daschund que, após um tumor, ganhou um crânio impresso em 3D.

No caso de Patches, os veterinários da Universidade de Guelph, em Ontário, no Canadá, conseguiram fazer uma operação mais rápida e segura.

Primeiro, eles mapearam a localização e o tamanho do tumor, e depois chamaram um engenheiro, que criou um modelo 3D do crânio de titânio do salsicha.

“Fui capaz de fazer a cirurgia antes mesmo de entrar na sala cirúrgica”, disse em comunicado Michelle Oblak, oncologista do Colégio Veterinário de Guelph.

De acordo com ela, era preciso substituir 70% do topo do crânio do animal, o que deixaria grande parte de seu cérebro desprotegido durante a operação.

Então, a equipe construiu uma placa craniana para substituir a parte do crânio que foi removida durante a cirurgia.

O procedimento durou menos de cinco horas e o cachorro estava “alerta e olhando para os lados” 30 minutos depois.

Humanos

O tumor osteocondrossarcoma multilobular começou a crescer na cabeça da cachorrinha, aos nove anos de idade.

A enfermidade era muito grave porque o tumor esmagava parte do cérebro e afetava a órbita ocular do cão.

Uma operação comum para a retirada do tumor seria perigosa, já que o animal não poderia ficar muito tempo anestesiado.

Por isso, veterinários desenvolveram esse novo procedimento que garantiu a rápida recuperação do cachorro – e especialistas acreditam que em breve poderá ser aplicado em humanos.

Com informações da Galileu

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.