Casa de leilões acaba com venda de chifre de rinoceronte

Chifres de rinoceronte e presas de elefantes - Foto: Reuters/Bobby YipChifres de rinoceronte e presas de elefantes - Foto: Reuters/Bobby Yip

Mais uma vitória pelos direitos dos animais. A última casa de leilões que faltava deixou de vender chifre de rinoceronte neste sábado, 24.

A Sotheby’s retirou três lotes antigos de um leilão que será realizado em Hong Kong na próxima semana. Isso aconteceu depois de um protesto de grupos ambientalistas.

A Sotheby’s seguiu os passos das casas Bonhams e Christie’s, que já tinham feito o mesmo.

O anúncio foi feito em comunicado do presidente da casa de leilões na Ásia, Nicolas Chow.

“A Sotheby’s rejeita qualquer sacrifício e comércio ilegal de animais selvagens em risco de extinção, e apoia firmemente os esforços de preservação feitos pela comunidade internacional”, afirmou.

A decisão foi tomada depois que a Bonhams cancelou a venda, em Hong Kong, de outros 21 lotes de esculturas feitas com este produto, avaliadas em US$ 3,87 milhões (cerca de R$ 14,8 milhões), segundo a Sociedade Humana Internacional (HSI).

A Christie’s já proibia este tipo de artigo em seus leilões.

Com informações do G1 e AFP

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.