Garota de 15 anos com Asperger é aprovada em Medicina na UFPR

Natãmy Nakano - Foto: Valquir Aureliano/BemParanáNatãmy Nakano - Foto: Valquir Aureliano/BemParaná

Uma brasileira de 15, com Síndrome de Asperger, um tipo de autismo, foi aprovada em Medicina na UFPR, Universidade Federal do Paraná.

Diagnosticada aos 13 anos com a síndrome, Natãmy Nakano tem altas habilidades, é muito inteligente e já se prepara para o início das aulas, marcado para o próximo dia 4.

Alfabetizada com apenas dois anos de idade, Natãmy presta vestibulares desde os 11 anos.

Aos 13, já havia conquistado uma vaga em Engenharia de Bioprocessos na Universidade Positivo e, no mesmo ano, se tornou aluna do curso técnico em gás e petróleo da UTFPR, se tornando a mais jovem acadêmica do país.

A inteligência extrema, contudo, não significou uma vida fácil, até por conta do autismo.

“A vida inteira falaram que eu era estranha, parecia louca. Quase não tive amigos no Ensino Fundamental e as vezes parecia que estava perdendo tempo. Era muito solitária”, conta a jovem.

Ela também tem hipersensibilidade nos sentidos, o que a leva a sentir incômodo e até dor física com coisas que outras pessoas nem percebem, como cheiros, barulhos mais altos, corte de cabelo ou até de unha.

Mãe com Asperger

Desde os dois anos de idade Natãmy já sabia o que queria ser quando crescesse, por causa da mãe.

“Tive tumor quando a Natãmy tinha um ano e meio. Pouco depois disso ela já começou a dizer que queria ser médica”, recorda Andréia Pichorim, mãe de Natãmy, que também é portadora da Sídrome de Asperger e possui altas habilidades.

“Eu também tinha alta habilidade e Asperger e como eu tinha as mesmas dificuldades que ela, achei que o resto do mundo também era assim”, conta Andréia.

“Eu percebia também que não me enquadrava como superdotada. Então, quando veio o diagnóstico (de Asperger), foi como se essas perguntas tivessem sido respondidas”, lembra Natãmy.

Ela faz um apelo aos pais com filhos autistas. “Se você tem um filho autista, aceite isso. Com esforço ele pode conquistar até mais coisas do que uma pessoa normal.”

Com informações do BemParaná

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.