Vídeo de menino descalço ganhando sapatos de PMs emociona

Fotos: reprodução / YoutubeFotos: reprodução / Youtube

Veja que atitude linda de policiais militares do interior de São Paulo. Eles viram um menino descalço e descobriram que ele não estava indo à escola porque estava sem material escolar.

Ao descobrir, a policial Evellyn, que mora na mesma rua do menino, conversou com os superiores da Polícia Militar para ver como seria possível ajudar.

Agentes da corporação se sensibilizaram e compraram material escolar, sapato e roupas para o menino, que mora na cidade de Eldorado. A entrega, feita na semana passada, foi gravada em vídeo, que está emocionando as redes sociais. (vídeo abaixo)

“Legal! Nunca tive caneta”, diz Rai no vídeo e logo após, ele abraça a policial para agradecer.

Raí tem nove anos e mora perto da Escola Profª Maria Salete, na Rua Domingos Elver Leite.

Como

A policial descobriu a situação da criança porque ele sempre ficava feliz ao ver as viaturas passando pelas ruas da cidade. Até que o dia em que ela perguntou ao garoto como estava a situação dele na escola.

Raí respondeu que não estava indo às aulas, porque estava sem material escolar.

“Eu já tinha reparado que sempre estava descalço e com roupas muito simples. Foi quando decidi ajudá-lo”, disse a policial ao G1.

Gratidão

Ela conta que na hora da entrega dos presentes o garoto teve uma das reações mais bonitas que já viu e que não esperava tamanha gratidão.

“Eu não imaginava o quanto ele ficaria grato. Sou policial há quatro anos e nunca nenhum cidadão demonstrou tanta gratidão assim para mim”, declara.

Além disso, Evellyn acredita que a ajuda foi de extrema importância, porque Raí poderia ser uma pessoa sem estudos e longe do conhecimento, questões que, de acordo com ela, são essenciais na idade do garoto.

Antes de receber os presentes, Rai revelou que sonha em ser policial quando crescer.

“Ele falou ‘tia, um dia vou ser policial’, então eu falei ‘basta você estudar que você consegue’, mas foi quando ele contou que não estava frequentando a escola por não ter o material”. lembra Evellyn.

A Polícia Militar informou que mais ações do tipo serão realizadas na cidade e que uma arrecadação para a próxima criança que precisar já está sendo feita.

Assista:

Com informações do G1

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.