EUA e Europa aprovam injeção contra enxaqueca

Foto: ReproduçãoFoto: Reprodução

Boas novas contra a enxaqueca. Depois de aprovada pelo FDA, agência norte-americana e a EMA, agência europeia de medicamentos, a farmacêutica israelense Teva vai começar a fabricar e vencer a injeção tão esperada.

O novo tratamento, conhecido como Ajovy, é uma  injeção aplicada em adultos que tenham pelo menos 4 dias de enxaqueca por mês.

Existem dois tipos de dosagens disponíveis: uma vez por mês e outras três injeções a cada três meses.

Testes

Durante os meses de tratamento, os pacientes tiveram menos dias de enxaqueca, em comparação com os pacientes que receberam tratamento com placebo.

Uma das reações mais graves da injeção é hipersensibilidade, erupção cutânea, comichão ou urticária.

No entanto, o efeito mais comum são reações na área da injeção.

A enxaqueca é uma condição neurológica que não tem cura. Este tratamento ajuda a manter as dores sob controle e melhorar a qualidade de vida do paciente.

Como

A droga é um anticorpo que se liga ao peptídeo relacionado ao gene da calcitonina.

O remédio bloqueia essa ligação ao receptor.

Em setembro de 2018, a droga foi aprovada pela Food and Drug Administration (FDA), dos Estados Unidos.

A aprovação do FDA foi baseada em evidências de dois ensaios clínicos, que foram realizados em 255 locais no Canadá, Europa, Japão, Israel e Estados Unidos.

No entanto, a indústria esperou pela aprovação da EMA para ter um “lançamento forte”, disse o comunicado da empresa.

Preço

Por enquanto, no lançamento, o preço do remédio não é para qualquer bolso.

O preço do tratamento chega a 575 dólares por mês – mais de 2.200 reais, ou 6.900 dólares por ano – mais de 26 mil reais.

enxaqueca_injecao

 

Com informações do Nation e BusinessInsider

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.