Vaquinha ajuda homem que atravessou idosa com caixotes em rua alagada

Foto: Marcos Serra Lima/G1Foto: Marcos Serra Lima/G1

Um ato de gentileza recompensado graças a uma “vaquinha” online criada para comprar uma casa para Varlei Rocha Alves, 50 anos, o Capoeira, que ajudou uma idosa a atravessar uma rua alagada, no Rio de Janeiro, com caixotes.

A campanha ultrapassou a meta do valor pretendido para que o guardador de carros de Copacabana, Zona Sul do Rio, compre uma casa. O objetivo era chegar aos 40 mil reais e já está chegando a 90 mil reais.

A vaquinha foi realizada pelo site Razões para Acreditar depois de uma cena que emocionou vários internautas.

“A história deu uma reviravolta e resolvemos fazer inclusive uma vaquinha para ajudá-lo, conta Vicente Carvalho, do Razões.

No vídeo, que viralizou na internet, Capoeira aparece  ajudando a senhora a atravessar o cruzamento da Rua Ministro Viveiros de Castro com Avenida Prado Júnior, em Copacabana, após a chuva que provocou mortes e alagamentos no Rio de Janeiro, na noite de segunda-feira, 8.

Ele usou duas caixas para criar uma espécie de ponte e evitar que ela molhasse os pés.

Mas, a cena também provocou polêmica: enquanto alguns destacavam o gesto solidário de Capoeira, outros criticaram a idosa por supostamente não ter agradecido a gentileza. Nesta quarta, Capoeira defendeu a idosa.

A campanha para comprar a casa para Capoeira foi aderida por muitas pessoas, inclusive famosos.

As atrizes Marina Ruy Barbosa e Alice Wegman, além do ator Marcos Veras e do oapresentador Luciano Huck foram alguns dos que compartilharam a história do guardador de carros.

“Tava chovendo bastante. Muitas pessoas estavam precisando de ajuda. Como eram muitas pessoas, a minha ideia foi criar uma ‘ponte criativa’ pra qualquer um passar, pra ajudar qualquer um, homem, mulher, criança”, explicou Capoeira ao G1.

“Fiquei extremamente emocionado com a história do Capoeira e de toda a preocupação dele com o filho, por isso, resolvi fazer uma vaquinha online, para que pudéssemos ajudar de alguma forma a mudar essa realidade tão difícil”,  disse Vicente Carvalho.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Encontro

Como mostrou o Jornal Nacional, a idosa que aparece na gravação é Dona Anuzia, aposentada de 86 anos que mora ali perto.

Nesta quarta, ela reencontrou Capoeira e elogiou o guardador.

“Ele foi muito gentil. É difícil encontrar pessoas assim.”

Casa própria
Atualmente, Capoeira contou que o principal sonho dele é a casa própria. Por enquanto, ele vive com o filho de 10 anos na casa da irmã, na Pavuna, na Zona Norte do Rio.

“Eu queria uma casa própria. Moro na casa da minha irmã, mas o meu filho precisa de uma casa dele”, afirmou.

Veja a cena:

 

 

Com informações do G1 e Razões para Acreditar

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.