Arquiteta faz bazar e consegue pagar faculdade de baleiro de 18 anos

Janderson Reis - Fotos: reprodução / RecordTV ItapoãJanderson Reis - Fotos: reprodução / RecordTV Itapoã

Final feliz para a história de um baleiro de 18 anos da Bahia, que vende barrinhas de cereal de domingo a domingo nos ônibus para pagar a mensalidade da faculdade.

Depois que a história de garra e determinação de Janderson Reis apareceu na RecordTV Itapoã, na Bahia, uma arquiteta se sensibilizou e organizou um bazar beneficente para ajudar o rapaz.

Em menos de um mês, Isadora Alencar, de 25 anos arrecadou 500 ítens, entre roupas e sapatos usados de amigos, vizinhos e conhecidos. O bazar foi no último fim de semana e rendeu R$ 15 mil, dinheiro suficiente para pagar todo o curso de Janderson, conhecido como Jan Reis no Instagram.

“Eu acho que a gente tem que ajudar as pessoas para que elas tenham oportunidade de estudar, de correr atrás. Eu achei muito legal a história de vida dele, de superação e querer estudar mesmo. É empatia, conexão com a história.”, disse Isadora à RecordTV Itapoã.

Faculdade

Como gosta de eletricidade e é bom na área de exatas, Jan decidiu fazer engenharia elétrica. Ficou em quinto lugar no vestibular e ganhou uma bolsa de 75%.

A mensalidade ficou por R$ 275,00, valor que ele paga com o trabalho diário como baleiro.

Com o que sobra ele tem que pagar o aluguel e arcar com outras despesas mensais.

História

O rapaz tem história de vida bem sofrida. Foi criado por uma tia, porque os pais não tinham condições.

Justamente por isso ele batalha muito. Janderson acorda cedo todo dia, sai com sua caixinha cheia de barrinhas de cereal e vai aos pontos de ônibus de Salvador… ele trabalha até vender tudo.

A simpatia de bom vendedor é o grande atrativo. A barrinha de cereal custa um real, mas se levar três, paga só dois. É assim que ele conquista os clientes dentro do ônibus e garante o dinheiro do dia.

Ele sente orgulho do que faz, mas sonha em se formar e ter um emprego formal.

“Eu quero chegar lá na frente, ter uma vida diferente, ajudar a minha família e pra isso vou precisar arranjar um emprego, me formar”, disse Janderson à RecordTV.

Janderson e Isadora (em pé) no Bazar - Foto: reprodução / Instagram

Janderson e Isadora (em pé) no Bazar – Foto: reprodução / Instagram

Isadora e Anderson ao centro, com a equipe da RecordTV Itapoã

Isadora e Anderson ao centro, com a equipe da RecordTV Itapoã

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa – Com colaboração de Natália Fonseca/BA

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.