Dia Livre de Impostos faz preços baixarem em 16 estados: gasolina R$ 2,93

Foto: Marcelo Camargo/Agência BrasilFoto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Hoje, 30 de maio, é o Dia Livre de Impostos. O evento retira os impostos dos preços de vários produtos, incluindo a gasolina, para mostrar o tamanho da carga tributária que o brasileiro é obrigado a pagar diariamente.

Nesta quinta, quem passar por lojas, postos e outros empreendimentos vai se deparar com grandes protestos em forma de promoção.

Dezenas de motoristas madrugaram para abastecer o veículo com gasolina a R$ 2,93 em dois postos da rede Jarjour —Asa Norte (206 Norte) e Asa Sul (210 Sul) — em Brasília,

A promoção só vale para quem pagar em dinheiro. A ação faz parte da 11º edição do Dia Livre de Impostos.

Sim, empresas e associações de comerciantes colocam à venda produtos retirando a parte relativa aos impostos cobrados pelos governos federais, estaduais e municipais.

A mobilização pretende chamar a atenção do cidadão, do setor econômico e de autoridades para problemas do sistema tributário brasileiro, como o grau de incidência de impostos, a complexidade das taxas cobradas e a falta de transparência nessas modalidades de arrecadação.

“Trabalhamos, em média, 153 dias, o que equivale a cinco meses, para pagar impostos e temos um dos piores serviços públicos do mundo”, afirma o coordenador da CDL Jovem do Distrito Federal, Ítalo Portela.

Por exemplo, maquiagens chegam a ter 58% de carga tributária, e eletrônicos, 43%.

“Recomendamos que os lojistas escolham produtos que exemplifiquem bem o tamanho da carga tributária que existe no país. A ação é de conscientização”, afirma Ítalo.

16 estados

Segundo a Câmara de Dirigentes Lojistas do Distrito Federal (CDL), está confirmada a participação de mais de 2 mil estabelecimentos em mais de 300 cidades, em 16 estados do país.

No Distrito Federal, participarão os shoppings Taguatinga, Brasília, JK, Terraço e Conjunto Nacional; os postos de combustíveis Jarjour da Asa Sul e Asa Norte; a rede de farmácias Drogafuji; os pet shops Cia da Terra; lojas Morana; Bibi; Pucket; e Biscoitos Mineiros.

A CDL DF disponibilizou uma tabela com os estabelecimentos e produtos em desconto .

Desconhecimento

Pesquisa feita pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostrou que 74% dos consumidores entrevistados não procuram saber o quanto pagam de imposto.

Apenas 26% vão atrás da informação, em práticas como a conferência da nota fiscal.

Desde 2013, é obrigatório discriminar nas notas fiscais a parcela aproximada referente aos tributos de um determinado bem ou serviço.

Além disso, a pesquisa da CNDL ouviu micro e pequenos empresários sobre o nível de conhecimento dos encargos tributários em suas atividades.

Dos entrevistados, metade não sabia dizer quanto do faturamento ia para o pagamento de impostos, 31% relataram ter uma noção aproximada e 14% afirmaram conhecer esse percentual.

Entre essa amostra de empreendedores, 65% defenderam uma reforma tributária no país.

A avaliação de 90% foi de que o sistema tributário é injusto.

Entre os consumidores ouvidos, 95% avaliaram a taxação de atividades comerciais no Brasil como pouco transparente.

Com informações da AgênciaBrasil

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.