Aluno dá o próprio casaco e dinheiro do lanche a sem-teto com frio na rua

Adrian e Arlan - Foto: Adrian Silva Alves/Arquivo PessoalAdrian e Arlan - Foto: Adrian Silva Alves/Arquivo Pessoal

Em pleno inverno, uma cena que aquece o coração da gente. Um aluno de 17 anos do Mato Grosso do Sul tirou um casaco que estava usando e doou a um homem desconhecido, que estava com frio, sentado sobre um cobertor na calçada.

Mais que isso: Adrian Silva Alves também deu pra ele os únicos R$ 4 que tinha: “Era do meu lanche”, disse.

A cena de compaixão foi fragrada pelas câmeras de segurança às 7:30 da manhã deste sábado, 6, quando os termômetros marcavam 6°C em Campo Grande, de acordo o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos.

O adolescente explicou o motivo de ter tirado um dos casacos que vestia para aquecer o desconhecido.

“Ele estava tremendo. Perguntei se estava com frio e ele disse que sim. Então dei meu casaco. Foi gratificante… A gente está aqui [no mundo] para ajudar as pessoas, e não para tirar”, disse Adrian.

A selfie

O rapaz tirou uma selfie com o morador em situação de rua e mandou para a mãe pelo WhatsApp, para avisar que havia doado o casaco.

E ele escreveu: “Tmj irmão, não pude lhe ajudar muito, mas foi de coração”.

O homem ajudado se identificou Arlan Cândido Vieira, de 35 anos.

Corrente do bem

Sem dinheiro para comprar um salgado durante o intervalo, Adrian também teve ajuda.

O amigo Mateus Pereira dividiu com ele o lanche. “A gente tem que ajudar”.

Andréia Maria Silva Lopes, mãe de Adrian, diz que procura ensinar ao filho a importância de ajudar ao próximo e do estudo.

“Ele é meu braço direito”.

Além do curso técnico, o garoto cursa o 3º ano do ensino médio em uma escola pública da capital.

“Ninguém quer estar na rua. Hoje são eles, amanhã pode ser a gente. Meus pais me educaram muito bem”, conclui o jovem Adrian.

Aplausos pra ele e para os pais!!

Com informações do G1

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.