Filhotes de leões extintos no século passado nascem em zoológico

Foto: zoológico de Dvur KraloveFoto: zoológico de Dvur Kralove

Dois filhotes de leão, da espécie leão-do-atlas, nasceram em cativeiro do zoológico da República Tcheca.

Símbolo do Marrocos, eles estavam extintos desde a primeira metade do século passado.

Os felinos são gigantes, têm jubas exuberantes e são raríssimos.

Os filhotes, um macho e uma fêmea, chegaram ao mundo em maio no zoológico de Dvur Kralove, na República Tcheca. Segundo a agência de notícias Associated Press, os pequenos deram os primeiros passos nos últimos dias com ajuda da mãe, Khalila.

Especialistas garantem que não há possibilidade de os leões-do-atlas voltarem ao seu habitat natural.

A região é bastante povoada e não haveria presas suficientes para esses felinos – que comem 7 kg de carne por dia, em média.

Levá-los de volta ao seu local de origem causaria os mesmos problemas de quando os primeiros humanos se instalaram na região: sem comida, os animais iriam invadir as áreas das pessoas.

Os leões habitavam a cordilheira do Atlas, no Norte da África, mas a degradação do habitat e a caça levaram à extinção desses animais na natureza.

Estima-se que pouco menos de cem ainda existam em cativeiro.

Com informações da Galileu

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.