Garoto ignora bullying pra doar cabelo a crianças com câncer

Foto; reprodução CBSFoto; reprodução CBS

Um garoto de 9 anos de idade, Brodie Southgate, deixou o cabelo crescer por dois anos e ignorou o bullying para ajudar quem precisa.

O menino que é de Anthem, no Arizona, já doou seu cabelo duas vezes para uma organização sem fins lucrativos que ajuda crianças que lutam contra o câncer.

A organização também ajuda a fornecer perucas para crianças que perderam seus cabelos devido a alopecia , tricotilomania e queimaduras graves.

“Eu decidi deixar meu cabelo crescer porque achei que as crianças que tinham câncer precisavam de cabelo”, disse Brodie ao InsideEdition.com.

“Eu gostava do meu cabelo longo, então decidi doar de novo pela segunda vez.”

Mas Brodie era constantemente perturbado por alguns de seus colegas de classe por causa de seus longos cabelos, disse ele.

“Eles achavam que era uma loucura porque eu sou um menino e eles não costumam ver garotos com cabelos compridos, e também pensavam que eu era uma menina”, explicou ele.

Seu pai, Ben Southgate, disse que Brodie não deixou que o bullying impedisse a ajudar aos outros.

“Este garoto passou por muitos comentários positivos e negativos, e aguentou”, disse Southgate ao KPHO.

E Brodie estava animado para mostrar seu nove corte, quando ele começou a quarta série, acrescentando que foi uma surpresa para alguns de seus colegas.

“Eles não me conheciam ou achavam que era um bom corte de cabelo”, disse ele.

Com informações do MSN

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.