Sobrevivente de câncer é a 1ª a cruzar Canal da Mancha 4 vezes sem parar

Foto: LEWISPUGH / LEWIS PUGH / TWITTERFoto: LEWISPUGH / LEWIS PUGH / TWITTER

Uma mulher que venceu o câncer no ano passado se tornou a primeira pessoa a nadar no Canal da Mancha quatro vezes sem parar.

Sarah Thomas nadou por 54 horas – da Inglaterra à França, à Inglaterra, à França e de volta à Inglaterra, lutando contra correntes fortes, água salgada na garganta e picadas de medusas no rosto.

A americana de 37 anos completou o desafio épico às 6h30 da útlima terça-feira, 17.

Em vez de 128 quilômetros, Thomas percorreu mais de 300 quilômetros.

Ela comemorou com champanhe e um pacote de M&Ms na praia em Dover, na Costa da França.

A doença

“Fui oficialmente diagnosticada com câncer de mama em novembro”, disse Thomas ao Financial Times no início deste mês.

“No ano passado, eu não sabia nadar e realmente não tinha certeza do que era possível para o meu futuro.”

Depois de receber tratamento com radioterapia, ela disse:

“Foi doloroso demais nadar por causa das minhas queimaduras. Fiquei com bolhas e me disseram que não era seguro nadar por causa do risco de infecção. ”

Os médicos achavam que ela nunca mais chegaria a um nível de competição, mas ela não desistiu.

Treinamento e Alimentação

Sarah treinou em Denver, Colorado e nadava 29 horas por semana por cerca de mais de 100 quilômetros.

Ela também fez uma dieta rica em carboidratos, incluindo macarrão e batata e cafeína.

Enquanto a cafeína ajudou a manter Thomas acordada, o mesmo aconteceu com o instinto natural do corpo, segundo Eddie Spelling, capitão de seu navio de apoio.

“Alguns nadadores podem dormir na água, mas Sarah não fez isso”, disse ele ao The Telegraph.

Eddie, de 67 anos acompanha o canal Swimmers há mais de 10 anos no barco Anastasia.

“Ela é uma atleta suprema que entra em um reino diferente de consciência quando está na água.

“O corpo humano é uma máquina física incrível, mas Sarah tinha um estado mental incomparável. É somente através de pura disposição e determinação que ela pode fazer o que fez ”, acrescentou.

sobrevivente_canal2

Com informações do Telegraph

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.