Violinista toca em abrigo pra acalmar cães que foram maltratados. Vídeo

Foto: reprodução TodayFoto: reprodução Today

Um violinista profissional vem acalmando cãezinhos que foram maltratados e agora vivem em um abrigo.

Martin Agee é voluntário da ASPCA – Sociedade Americana para a prevenção da Crueldade ao Centro de Adoção de Animais – em Nova York e ajuda na recuperação de abusos e negligências contra os animais.

Há 30 anos, o Martin se apresenta do Carnegie Hall à Sydney Opera House, locais de música mais renomados do mundo. Mas há dois anos, o lugar favorito dele é junto aos animais.

Toda semana Martin Agee carrega seu violino para o Centro de Recuperação de Animais, que abriga animais em tratamento e muitas vezes é recebido com latidos, pulos e muita euforia.

Depois, ele se senta em uma cadeira e começa a tocar sonatas suaves de compositores clássicos como Bach, Handel e Mozart.

“No instante em que o arco bate na corda, você recebe uma reação como ‘O que aconteceu?’ É impressionante ver ”, diz o músico.

Relaxamento

De maneira mágica, ele cura qualquer sintoma e mantém os animais como numa espécie de hipnose coletiva.

A música é uma ponte para o relaxamento. Cães inquietos se acomodam para ouvir. Cães tímidos se aproximam para ter uma visão melhor.

“É uma experiência emocional”, disse Agee, 62 anos. “E desde o primeiro dia.”

História

O amante de animais começou a trabalhar como voluntário na ASPCA como forma de se reconectar com animais de estimação, após a morte de seu gato resgatado, Melody.

A perda foi difícil e “pesou muito” por vários anos.

Depois disso, ele entrou como coordenador de adoção no abrigo de Nova York.

“Eu quase disse brincando para algumas pessoas: ‘Bem, talvez eu toque meu violino para os cães quando estiver lá’ ‘, lembrou. “Mal percebi que isso se tornaria realidade.”

Contador de histórias

Agee ficou intrigado com o programa de histórias da ASCPA, no qual os voluntários liam livros , revistas e outros materiais para ajudar a socializar e acalmar os cães vitimados, como parte de sua reabilitação.

“O que vimos é que o programa de contar histórias fez um mundo de diferença para nossos cães”. -Kris Lindsay, diretor sênior da ASPCA

A equipe apoiou a ideia de Agee tocar violino para ver como os cães reagiriam à sua música, o que imediatamente provou ser bem-sucedido.

Adoção

Quando são adotados, Martin sente falta deles, mas acha gratificante saber que eles passaram para o próximo capítulo de suas vidas.

“E talvez haja música lá também”, disse ele.

Kris Lindsay, diretor sênior da ASPCA, contou que a música de Agee tem sido uma adição maravilhosa ao programa.

“É realmente incrível ver o impacto que a música dele causa nos cães e a rapidez com que eles respondem”, concluiu.

Foto: ASCPCA

Foto: ASCPCA

violonista_caes3

violonista_caes4

Veja:

Com informações do Today

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.