Caixa derruba juros do cheque especial para 4,99%. E o seu banco?

Agência da Caixa - Foto: Agência BrasilAgência da Caixa - Foto: Agência Brasil

A partir de 1º de dezembro, os juros do cheque especial na Caixa Econômica Federal vão cair quase pela metade: de 8,99% para 4,99% ao mês.

Isso deverá pressionar outras instituições como o Banco do Brasil, o Bradesco e o Itau que cobram na faixa de 12% ao mês nos juros do cheque especial

O anúncio, feito esta semana, é uma forma de repassar ao consumidor parte da redução da Selic – a taxa básica de juros da economia – que está no menor patamar da história.

Comparações

O corte da Caixa é positivo? Sim! Mas a taxa ainda está bem acima da Selic em outubro, que foi do 0,63% ao mês.

Veja quanto os maiores bancos brasileiros cobram de juros por mês no cheque especial:

  • Banco Inter            3,46%
  • Caixa:                      9,41%
  • Banco do Brasil  12,17%
  • Bradesco              12,44%
  • Itaú                        12,51%

As taxas acima são referentes aos juros do cheque especial para pessoa física cobrados na semana encerrada em 29 de outubro, de acordo com informações do Banco Central.

Novas taxas Caixa

A redução na taxa de juros do cheque especial vai depender do tipo de conta que o cliente tem na Caixa.

Quem tem pacote de relacionamento Caixa Sim – com conta corrente, cesta de serviços e cartão de crédito – terá corte de 8,99% para 5,94% ao mês.

Já o cliente que, além desses serviços, também recebe salário pelo banco, terá uma redução maior: para 4,99% ao mês, promete a Caixa.

Motivo do corte

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, explicou em comunicado o motivo do corte de juros no cheque especial.

A Caixa declarou que “estudos aprofundados em suas margens” e o “cenário de queda de taxa de juros Selic e das taxas de juros de longo prazo na economia” levaram o banco a se alinhar a essa nova realidade e, por isso, “promoveu redução das taxas de juros de seus principais produtos”.

“A redução foi matemática. Ainda assim teremos ganho”, concluiu Guimarães.

Com informações da Veja

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.