TripAdvisor boicota parques com atrações cruéis com animais

529
Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

O site TripAdvisor tomou uma decisão importante em defesa dos animais.

A empresa anunciou que deixará de vender ingressos para algumas das atividades turísticas mais cruéis com os bichos.

Estima-se que todos os anos aproximadamente 110 milhões de pessoas visitem esse tipo de local, sem saber sobre os abusos envolvidos.

O anúncio é um avanço significativo para acabar com selfies com tigres, nado com golfinhos e outras atrações turísticas do tipo.

Elefantes

Os elefantes, por exemplo, costumam ser retirados de suas mães ainda muito jovens.

Eles apanham e passam por sofrimento e abuso psicológico durante o treinamento para que se tornem submissos o suficiente para permanecerem o resto de suas vidas acorrentados e realizando passeios com turistas.

A decisão acontece menos de seis meses após o lançamento da campanha “Silvestres. Não Entretenimento” da World Animal Protection, que reuniu mais de 558 mil assinaturas de protetores da vida animal de todo o mundo.

O primeiro passo dessa campanha foi dado em 1991 e conseguiu acabar com as atrações de danças de ursos na Grécia, Turquia e Índia.

Com informações do Viagem UOL