Assédio moral no trabalho: saiba como se defender de chefe abusado

2180
assediomoral
assediomoral

Isolamento, agressão, deboche, pressão, acúmulo de trabalho, ameaça. Chefe que abusa do poder. Quem não passou por isso e aguentou calado pra não perder o emprego? 
Mas está errado. Tem que denunciar sim esses chefes abusados e eles podem ser punidos. Para se proteger, veja o que fazer: 

  1. Anote detalhes das agressões: hora, local, nomes.
  2. Mostre evidências e conte aos colegas: procure dar visibilidade ao que lhe acontece.
  3. Só converse com agressor na presença de testemunhas
  4. Exija por escrito uma explicação do agressor.
  5. Guarde uma cópia da resposta e envie o original ao departamento de recursos humanos.

Com todas essas provas, entre com representação contra ele no Ministério do Trabalho da sua cidade. Os fiscais vão procurar o chefe de quem pratica o assédio. Poderá haver uma mediação. E se ainda assim a questão não for resolvida, a empresa poderá ser fiscalizada e a denúncia encaminhada ao Ministério público.