Banda larga via satélite chega ao Brasil: pega até em área rural

1969
Foto: divulgação|
Foto: divulgação|

Internet de alta qualidade até no meio do mato.

Chegou ao Brasil o HughesNet, um serviço de banda larga via satélite que vai atingir todo o território nacional

A empresa norte-americana de telecomunicações Hughes fez o anúncio oficialmente nesta terça-feira, 28.

Embora seja relativamente desconhecida, a companhia já atua no Brasil desde 1968, quando vendeu satélites de comunicação para as forças militares nacionais.

Com a HughesNet, a companhia pretende ofertar internet de alta qualidade em regiões não atendidas por teleoperadoras que trabalham com ADSL ou fibra óptica, como áreas rurais e pequenas cidades do interior dos estados.

De acordo com os executivos da companhia, a Hughes vem para atender aos usuários que têm renda para contratar uma infraestrutura de banda larga robusta, mas que não são suportados por outras provedoras.

Preços

O plano residencial mais econômico da HughesNet custa R$ 249,90 e oferece 10 MB de download e 1 MB de upload, sendo necessário arcar ainda com uma taxa de adesão de R$ 359,90.

O pacote tem duas franquias distintas: 15 GB para usar em qualquer horário e 20 GB para uso noturno, da 00h às 7h (totalizando 35 GB).

A ideia é incentivar o internauta a baixar arquivos pesados durante a noite, quando os satélites estão com menor fluxo de usuários.

Há ainda o plano de 15 MB de download e 1,5 MB de upload, que custa R$ 349,90 e tem franquia total de 50 GB (sendo 20 GB normais e 30 noturnos).

Por fim, o pacote top de linha oferece 20 MB de download e 2 MB de upload por R$ 449,90 — a franquia total é de 65 GB (25 GB normais e 40 GB noturnos).

A taxa de adesão é a mesma para todos os planos.

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Promoção 

O consumidor poderá testar qualquer um dos planos por até 30 dias e cancelar a assinatura sem pagar a mensalidade ou a multa de fidelidade (os pacotes têm contrato de 12 meses).

O serviço terá como base a banda Ka.

Os planos da HughesNet poderão ser contratados a partir da sexta-feira (1º de julho).

O suporte, a instalação e o pós-venda ficarão a cargo da empresa parceira Elsys.

Serviço

A assinatura poderá ser feita:

Com informações do TecMundo