kits de viagem viram higiene de moradores de rua: Mini Gentilezas

1939
Foto: divulgação / Mini Gentilezas|||
Foto: divulgação / Mini Gentilezas|||

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa.

O que você faz com aqueles kits de viagem que recebe em hotéis e viagens de avião? Sim estamos falando daquelas amostras de creme dental, escova, sabonete, shampoo, condicionador, pente…

Não deixe para trás, nem jogue no lixo. Esse produtos podem ajudar e muito, pessoas que vivem nas rua. O pessoal do Mini Gentilezas pega tudo e distribui para quem precisa.

O projeto, que completa 4 meses agora em julho, já conta com 34 pontos de coleta em 9 cidades, divididos nos estados do Rio de Janeiro, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e no Distrito Federal.

“A ideia nasceu em abril, apenas como uma imagem para ser enviada aos amigos quando eles estivessem viajando”, contou a coordenadora do projeto, Karina Rocha em entrevista ao SóNotíciaBoa.

Ela explica que o Mini Gentilezas tem pontos de coleta nas próprias residências dos voluntários, onde as pessoas podem deixar suas doações.

“Fazemos a coleta no final do mês, separamos por itens, somamos e jogamos fora todo o material vencido. Depois repassamos para instituições que fazem trabalhos com pessoas em situação de rua”.

Quantas pessoas já ajudaram e quantas foram beneficiadas? Karina perdeu a conta!

“Não temos como mensurar quantas pessoas ja nos ajudaram com as doações, as coisas simplesmente vão chegando nas portarias e no final do mês são contabilizadas”.

minigentilezas-close1

Amplie a ideia

Se o projeto ainda não existe na sua cidade, faça contato com o Mini Gentilezas e mande sua sugestão.

“Sempre que alguém fala de uma nova cidade, perguntamos se a pessoa teria um instituição, organização, ou até mesmo grupo de amigos, para indicar. Qualquer grupo que ajude, de forma séria, as pessoas que estão nas ruas, pode ser nosso parceiro”, explica.

Pontos de coleta

Brasília

https://goo.gl/Z1cBKo

Serviço / contatos

Mini Gentilezas no Facebook

E-mail: gentileza@argilando.org

 

Da redação do SóNotíciaBoa