Sabe qual é o povo mais rico do mundo?

6293
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Por Ninna Crot, de Savigny, Suiça, para o SoNotíciaBoa

Estudo feito pelo Credit Suisse mostra que os helvéticos são os mais ricos do mundo, com uma riqueza média por adulto de cerca de 545.000 mil francos em 2015, mais de 2 milhões de reais por ano.

Se a Suíça permanece no topo da pirâmide, a riqueza média por adulto, no entanto, diminuiu em 4,2% ano a ano, diz o sexto relatório anual sobre o patrimônio global do Credit Suisse Research Institute.

Entre meados de 2014 e meados de 2015, esse valor caiu de 24.800 mil dólares, resultando uma soma de 567.100 mil dólares (545.074 mil francos a preços correntes).

Baixa desigualdade

Desde 2000, a riqueza por adulto na Suíça aumentou em 144%.

Um aumento que é em grande parte devido à valorização do franco suíço em relação ao dólar -norte-americano. 

Medida em francos, a riqueza das famílias suíças caiu em 2001 e em 2002, antes de subir moderadamente mas regularmente, exceto durante a crise financeira de 2008.

Porém, entre os dez países em que a distribuição da riqueza vem sendo registrada desde um longo tempo, Dame Helvetia é a única que não mostra uma redução significativa das desigualdades. 

É o lar de 1,7% a 1% dos mais ricos do mundo “, o que é notável para um país contando apenas 0,1% da população mundial”, ressaltam pesquisadores do Credit Suisse.

Bem atrás

Em segundo lugar, a Nova Zelândia está muito atrás, com uma riqueza média de 400.800 mil dólares por adulto em meados de 2015.

Seguida pela Austrália (364.900 mil dólares) e os EUA (353.000 mil dólares). E para fechar o círculo do “top ten”, a França (262.100) e a Bélgica (259.400).

De um ano para o outro, a desvalorização da moeda em relação ao dólar representava um déficit de 13.000 bilhões. No geral, a riqueza média por adulto caiu de 6,2% para 52.400 mil dólares, passando abaixo do nível de 2013.

Mais uma vez, este valor mascara grandes disparidades entre países e regiões. O 1% mais rico possui a metade da riqueza global. 

Além disso, se os Estados Unidos registraram o maior aumento anual, é agora a China que tem a maior classe média, com 109 milhões de pessoas.

Milionários de explosão

Segundo as previsões feitas pelo Credit Suisse Research Institute, o patrimônio mundial poderá crescer a uma taxa anual de 6,6%. Em 2020, poderá chegar a 345.000 bilhões, contra 250.100 bilhões hoje. 

Neste horizonte, é provável que a Suíça fique em primeiro lugar em termos de riqueza por adulto.

Quanto ao número de milionários, que pode explodir por 46% nos próximos cinco anos, atingindo 49,3 milhões de pessoas.

Por enquanto, os mercados emergentes têm 6,5% dos privilegiados e esta porcentagem deverá aumentar para 7,4% até o final da década.

A Análise do Credit Suisse incide sobre o patrimônio de 4,8 bilhões  de adultos em mais de 200 países. 

Ele define riqueza como o valor dos ativos financeiros e ativos reais principalmente imobiliários, líquido da dívida.