Alunos reformaram escola com venda de livros e querem mais

1015
Foto: Instituto Dom Quixote|||Foto: Instituto Dom Quixote|||||
Foto: Instituto Dom Quixote|||Foto: Instituto Dom Quixote|||||

Universitários que sonham em melhorar a educação no país fizeram um mutirão neste fim de semana. Com dinheiro da venda de livros eles reformaram uma escola pública em Divinópolis, Minas Gerais, que estava caindo aos pedaços.

Foram dois dias de trabalho e o resultado é de tirar o chapéu, apesar de alguns serviços que ainda faltam – eles aguardam a entrada de mais dinheiro.

Com a venda de livros – mostrada no SóNotíciaBoa – os universitários da ONG Instituto Dom Quixote arrecadaram parte da verba que precisavam.

O mutirão deste fim de semana pra deixar o E.M.Dona Maria Rosa mais bonita reuniu 80 voluntários no sábado e 90, no domingo.

Os mais de 600 alunos da escola vão ter agora uma estrutura mais preparada e acessível, graças ao trabalho da equipe.

Os voluntários deixaram tudo colorido e alegre, da biblioteca ao pátio do colégio.

As equipes se dividiram em 5 para fazer a transformação, começando pela fachada, cuidados especiais, pátio, biblioteca e horta.

Pintaram portas, grades, enfeitaram as quadras, limparam, plantaram. E tudo na maior alegria e satisfação.

Escola deteriorada

A situação no estabelecimento de ensino era lamentável.

João Aquino, da ONG Dom Quixote, contou ao SóNotíciaBoa que o teto da biblioteca está com buracos e as salas de aula com goteiras.

Segundo Alexandre Ferreira Lamounier, diretor da ONG, eles ainda precisam resolver esse problema.

“O orçamento desse trabalho ficou em 1.260 reais e ainda não temos essa quantia”, explica.

A meta de arrecadação era 8 mil reais, mas a ONG conseguiu apenas 5 mil reais. Eles ainda aceitam contribuições porque o trabalho vai continuar.

A ONG levantou o valor com contribuições e a venda de livros – de 5 a 10 reais –

O projeto que embeleza escolas é chamado “De coração”.

Foto: Instituto Dom Quixote
Foto: Instituto Dom Quixote
Foto: Instituto Dom Quixote
Foto: Instituto Dom Quixote
escola_reforma3
Foto: Instituto Dom Quixote
reforma_escola9
Foto: Instituto Dom Quixote

Projeto

O projeto é encabeçado pela ONG Dom Quixote, que é formada há quase um ano por universitários da PUC de Belo Horizonte, com idades entre 19 e 23 anos. O presidente é João Aquino, que tem apenas 19 anos.

O Instituto Dom Quixote realiza uma série de projetos para levar cultura e música para comunidades e favelas com palestras e cursos.

“O objetivo central do projeto é trabalharmos tanto até chegarmos num ponto em que o Dom Quixote não seja mais necessário e acreditamos todos os dias que, com organização e dedicação podemos alcançar isso!”, diz João Aquino ao SóNotíciaBoa.

reforma_escola8
Foto: Instituto Dom Quixote
reforma_escola7
Foto: Instituto Dom Quixote
reforma_escola6
Foto: Instituto Dom Quixote

 

escola_reforma2
Foto: Instituto Dom Quixote

Doações

Eles continuam aceitando contribuição permanente.

Conta da Dom Quixote para doações: 

Banco: Caixa
Agência: 4972
Op:013
Conta: 00006682-4

Instituto Dom Quixote 💚
📞 (37)99938-2574
Instagram: @institutodomquixote
Facebook: Instituto Dom Quixote
✉ contatoidq@gmail.com

Por  Andréa Fassina, da redação do SóNotíciaBoa