Brasileiro é eleito novo CEO da norte-americana Qualcomm

120
Cristiano Amon - Foto: Germano Lüders/Exame)
Cristiano Amon - Foto: Germano Lüders/Exame)

O brasileiro Cristiano Amon será o próximo CEO da Qualcomm, companhia norte-americana de tecnologia.

Ele foi eleito por unanimidade pelo Conselho Administrativo nesta terça-feira, 5.

Amon será o sucessor de Steve Mollenkopf que decidiu se aposentar após 26 anos na companhia. Ele ocupa o cargo desde 2014.

O engenheiro brasileiro vai assumir o posto a partir do dia 30 de junho de 2021.

“Estou honrado por ser nomeado o próximo CEO da Qualcomm e agradeço a confiança que Steve e o Conselho têm em mim”, disse Amon em nota.

“Estivemos na vanguarda da inovação por décadas e estou ansioso para manter essa posição no futuro”.

5G

O executivo disse que vai trabalhar para impulsionar a expansão do 5G em dispositivos convencionais e móveis.

Ele acredita que a marca vai desempenhar um papel fundamental na transformação digital de vários setores nos próximos anos.

“Estou ansioso para trabalhar com os nossos 41 mil funcionários em todo mundo para criar tecnologias que vão revolucionar a maneira como as pessoas vivem, trabalham e se conectam”, afirmou

A carreira

Mestre em Engenharia Elétrica com doutorado honorário pela UNICAMP, em Campinas, no interior de São Paulo, Cristiano Amon iniciou a carreira na Qualcomm como engenheiro em 1995. Hoje, aos 50 anos, ele atua como presidente da companhia norte-americana desde janeiro de 2018.

Cristiano acompanhou diversas fusões e aquisições ao longo dos 26 anos na empresa.

E também teve forte participação na expansão do catálogo de produtos e no plano estratégico do 5G.

Ele também atua no gerenciamento das operações globais da marca e nos últimos anos, passou liderar a divisão de QCT, que inclui os segmentos mobile, automotivo e internet das coisas.

Com informações do TecMundo