Rio de Janeiro vai vacinar toda a população adulta até 31 de agosto

1382
Rio vai vacinar toda a população adulta até final de agosto, anuncia Paes - Foto: Tânia Rêgo / Agência Brasil
Rio vai vacinar toda a população adulta até final de agosto, anuncia Paes - Foto: Tânia Rêgo / Agência Brasil

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, antecipou o calendário e anunciou que vai vacinar toda a população acima de 18 anos até o dia 31 de agosto. (veja o calendário abaixo)

O cronograma anterior ia até outubro, mas as novas remessas de vacinas contra Covid-19 recebidas vão permitir que mais pessoas da capital sejam vacinadas antes.

Eduardo Paes fez o anúncio no perfil dele no Instagram. Ele também afirmou que em setembro será a vez de adolescentes até 12 anos. (veja nota do Ministério da Saúde abaixo)

Medidas restritivas continuam

Sobre as medidas restritivas, não houve mudança, ou seja, permanece suspenso

o funcionamento de boates, danceterias e salões de dança.

Nos bares e restaurantes, a distância entre mesas deve ser de 1,5 metro.

E continua a determinação para que não se formem filas nem aglomerações comércios e locais públicos.

Adolescentes acima de 12 anos

Sobre a vacinação de adolescentes a partir de 12 anos, o Ministério da Saúde informou em nota que a imunização com as doses da Pfizer está em discussão na Câmara Técnica Assessora em Imunização e Doenças Transmissíveis.

O ministério também lembrou que a prioridade agora é vacinar todos os grupos prioritários e a população acima de 18 anos. A orientação é para que estados e municípios sigam o que é recomendado pelo Ministério da Saúde.

“No entanto, os gestores locais do SUS têm autonomia para seguir com a própria estratégia de vacinação”, concluiu a nota.

Todos os brasileiros

Neste sábado a Casa Civil confirmou que todos os brasileiros serão vacinados até o final deste ano.

“Todos os brasileiros, que assim o desejarem, serão vacinados”, disse a nota.

A previsão já havia sido apresentada pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. Mas agora o governo frisou o caráter voluntário da imunização.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Eduardo Paes (@eduardopaes)

Com informações do G1 e Estadão