Ex-executivo se reinventa na pandemia e vende pães artesanais pelas redes sociais

417
Leandro trabalhava numa multinacional e hoje tem uma micropadaria no DF Foto: Instagram
Leandro trabalhava numa multinacional e hoje tem uma micropadaria no DF Foto: Instagram

O empreendedor Leandro Gonçalves, dono da micropadaria artesanal O Cara do Pão, precisou se reinventar aprender a usar as redes sociais para viver do seu sonho.

Depois de uma viagem de férias a Portugal, Leandro teve a ideia de produzir pães artesanais para consumo próprio e depois de receber várias encomendas de amigos, decidiu mudar e investir.

Ele, que trabalhava como executivo numa multinacional, acabou ganhando uma renda extra e, com apoio da esposa, Isabel Nascimento, ele começou a comercializar os pães em feiras e em condomínios privados no Distrito Federal.

Covid fez empreendedor se reinventar

Natural do sul do país, Leandro viu o volume de vendas crescer ao introduzir no cardápio as  cucas gaúchas e pastéis integrais com sabores variados e começou a receber cada vez mais encomendas

A grande projeção que vinha sendo alcançada por Leandro sofreu um baque após o surgimento dos primeiros casos de covid-19 e das medidas de isolamento social adotadas para conter o avanço da doença na capital, em março de 2020.

O empreendedor viu suas oportunidades de venda serem afuniladas e precisou se reinventar, sendo obrigado a formatar com urgência o seu serviço de delivery e também a melhorar a presença digital de sua micropadaria.

Redes Sociais

“Começamos a usar os perfis no Instagram e Facebook como uma espécie de vitrine para os nossos produtos; de lá redirecionamos quem nos procurava para uma conversa no WhatsApp.

Usamos a versão business e conseguimos estabelecer um contato mais efetivo com os clientes, sendo ágeis nas respostas e utilizando etiquetas para marcar o progresso de cada encomenda que recebemos”, explica Leandro.

As pretensões para o futuro da micropadaria não são tímidas e têm como objetivo colocar O Cara do Pão ainda em mais evidência no Distrito Federal.

“Eu só atendia órgãos públicos e hoje, aos poucos, estou conseguindo fazer com que a minha marca seja conhecida em toda a capital. Meus produtos estavam focados na área central da cidade e agora já chegam a Águas Claras, Taguatinga e em alguns condomínios próximos a Sobradinho”, acrescenta o empreendedor.

Inova Digital

O público que acompanhar a realização do Sebrae Inova Digital 2021, entre os dias 23 e 25 de novembro, poderá compreender melhor o funcionamento, os benefícios e a relevância das redes sociais para o mundo dos negócios.

No evento, o público poderá acompanhar palestras e debates com conteúdos digitais, e poderá aprender como promover ganho e vendas.

Na transmissão ao vivo, por exemplo, especialistas no assunto falarão sobre protagonismo digital e a respeito da disseminação de ideias, o engajamento de pessoas e a necessidade de se estar sempre à frente em um mundo hiperconectado.

A edição 2021 do Sebrae Inova Digital será virtual e gratuita com o objetivo de inspirar micro e pequenos empresários, além de potenciais empreendedores, a desenvolverem estratégias sólidas capazes de impulsionar o crescimento ou ideia de negócio.

As inscrições para participar do evento estão abertas e podem ser feitas acessando o site www.sebraeinovadigital.com.br.