Modelo descobre que padrasto é seu pai biológico após sonho

5007
A modelo descobriu que seu padrasto é na verdade o pai biológico - Foto: Arquivo Pessoal
A modelo descobriu que seu padrasto é na verdade o pai biológico - Foto: Arquivo Pessoal

Após um sonho revelador, a modelo Diana Geniath, de 27 anos, descobriu que o homem a quem ela chamou a vida toda de padrasto é na verdade o seu pai biológico.

No sonho, a jovem de Tocantins conta que uma mulher revelou a ela que o pai não era quem ela acreditava ser.

“Uma mulher me contava que eu não era filha do meu pai, e sim de uma experiência alienígena”, conta ela achando graça.

Após sonho, a jovem decidiu fazer o teste de DNA

Diana contou que descobriu a verdade sobre sua origem por acaso, ao relatar aos pais um sonho em que uma mulher contava que não era filha do pai, mas de uma experiência alienígena.

Enquanto a mãe ria, o padrasto indagou: “e se o alienígena for eu?”.

Ela ficou com isso na cabeça e decidiu fazer o teste de DNA. Foi quando descobriu que era 99,9% compatível geneticamente com o homem que acreditava ser o seu padrasto.

Após a descoberta ela passou por momentos difíceis até a aceitação, precisou de terapia inclusive.

“Senti muita raiva, nem pela questão material apenas, mas por não ter me sentido pertencida a vida inteira. Senti muita tristeza”, desabafou Diana.

Entenda como isso foi possível

A mãe de Diana teve um casamento conturbado com o ex-marido, a quem a jovem acreditava ser seu pai. Ficaram seis anos juntos e entre idas e vindas desse relacionamento, a mãe se envolveu com um motorista que conheceu nas proximidades de casa.

Foi um caso passageiro e logo ela voltou com o marido, mas estava grávida do motorista.

Após novas brigas, a dois se se separaram.

O reencontro com o pai biológico

Mas, como essa vida não tem um roteiro certo, ela se reencontrou com o motorista.

Eles começaram um relacionamento e ele assumiu também a Diana.

Assim foi por 27 anos. Que história maluca, não?!

Pedido de perdão

Depois que tudo foi esclarecido e a história veio à tona, a mãe pediu perdão a Diana.

Felizmente, a modelo entendeu que há 27 anos tudo era muito diferente.

“Fiquei emocionada por conhecer minha avó, fui muito bem recebida e me senti amada. Sinto que foi uma página importante. aAgora conheço de onde vim, me sinto pertencente”, concluiu a modelo.

modelo-padrasto-pai-biologico
Modelo com a mãe e o pai, quem ela acreditou vida toda que era padrasto. Foto: Arquivo Pessoal

Com informações de Jornal da Paraíba