Internautas se unem para evitar abate das Búfalas de Brotas: VÍDEO

-
Por Jéssica Souza
Compartilhar
Imagem de capa para Internautas se unem para evitar abate das Búfalas de Brotas: VÍDEO
Livres e cuidadas com muito amor, as mamães búfalas e seus mais de 60 filhotes novamente tem suas vidas ameaçadas. Foto: Arquivo Pessoal

Mostramos recentemente como está a ótima a vida das mais de mil búfalas que foram resgatadas em fazenda de Brotas. Porém, após estarem livres e cuidadas com muito amor, agora as mamães búfalas e seus mais de 60 filhotes novamente estão suas vidas ameaçadas.

Neste fim de semana, a ONG ARA, responsável pelos animais, denunciou que os advogados da antiga administradora da fazenda querem retomar a tutela do rebanho para abater os animais.

Os advogados justificam que a venda das búfalas (que agora engordaram depois de passar fome e sede) é uma forma sustentável para manter os que ainda estão em recuperação. E nós sabemos que isso não é verdade!

Rede unida

Por isso, mobilizamos a internet para que compartilhe essa notícia e abrace a causa com a gente.

“Não podemos permitir que esse absurdo siga em frente! Abater os animais que tratamos com tanto carinho e amor está totalmente fora de cogitação!! NÃO É MATANDO QUE SE SALVAM VIDAS!”, publicou a ONG.

Desde que a ONG resgatou os animais em novembro do ano passado, muitas têm se recuperado muito bem. Algumas voltaram a se alimentar melhor, a caminhar e até mesmo, estão fazendo graça com os voluntários que enchem as búfalas de carinho.

“Essas búfalas nunca mais passarão um dia de fome durante o resto da vida delas. Nós queremos que todas tenham uma morte natural e por isso nós estamos lutando”, disse o presidente da ONG.

Como ajudar?

Para evitar que a ameaça do abate vá adiante, a ONG conta com o apadrinhamento das Búfalas e também, com doação pela vaquinha online aberta no Só Vaquinha Boa. clique aqui.

Também dá para contribuir pelo PIX da vaquinha: vaquinha-bufalas-brotas@sovaquinhaboa.com.br  É mais fácil e rápido por este pix e-mail.

“Se puder Apadrinhe uma Búfala, com R$ 50,00 mensais ou participe da Campanha ABATE NÃO. Nela você pode contribuir com R$ 25,00 mensais”, publicou ARA.

Compartilhe com os amigos! Vamos salvar as búfalas de novo!