Idosas fazem enxovais de graça para bebês carentes

Foto: Rinaldo de Oliveira/SnB|Foto: Maicon Gomes/SnB
Foto: Rinaldo de Oliveira/SnB|Foto: Maicon Gomes/SnB

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa

Nada de tristeza, nem depressão… em vez de ficar em casa, pensando na vida e nos problemas, três senhoras de Brasília se unem toda semana para ajudar grávidas carentes.

Elas usam três tardes livres por semana para fazer enxovais, que são doados aos recém-nascidos de famílias necessitadas.

“Tem mãe que sai do hospital com o bebê enrolado num lençol”, conta dona Sônia, de 70 anos, em entrevista ao SóNotíciaBoa.

Foi ela quem iniciou o serviço voluntário há quase 40 anos.

O trio fixo do voluntariado é composto por Sônia e amigas Francisca, de 66 anos – a caçula do grupo – e Marieta, de 79.

O enxoval

Dona Sônia corta e costura as roupinhas. Francisca costura pijamas e corta fraldas. Marieta faz casaquinhos e camisetinhas pagãs.

Os sapatinhos de lã são produzidos por Sonia e a irmã dela.

O resultado é um enxoval bem feito, digno de ser vendido em lojas do ramo.

O kit tem 1 cobertor, 2 roupinhas, 2 pijamas, 4 fraldas e 2 pares de sapatinhos.

O enxoval feito pelas idosas custaria mais de 200 reais, mas elas não cobram por isso. Ao contrário: doam com o mesmo carinho que fazem.

Dona Francisca conta que “o que mais emociona é ver a reação das mães quando recebem o kit”.

Foto: Maicon Gomes/SnB

História

O trabalho voluntário silencioso, que é feito em Brasília – mas pouca gente conhece – vai completar 40 anos agora em 2016.

Elas já até perderam a conta de quantas mães ajudaram durante essas décadas de dedicação.

A produção das peças e a doação funcionam no prédio da Federação Espírita do Distrito Federal, que fica na 408 sul.

Sem burocracia

Para retirar seus kit as mães só precisam do cartão do pré-natal. “Mas se não tiverem, não tem problema. A gente olha a barriga da mãe e doa também”, conta Sônia.

Ganham as mães, mas também ganham as três amigas, que dão uma aula de carinho e solidariedade.

Nascida em família espírita Sônia lembra que aprendeu desde cedo que ajudar o próximo faz parte da evolução do ser humano.

Doações

Tudo que as amigas usam para produzir o enxoval vem de doação: tecido, linha, agulha, botões, elástico, cobertores, lã para os sapatinhos e outros materiais usados na costura.

Para doar ou retirar os enxovais, basta procurar o prédio da Federação Espírita do Distrito Federal, na aérea residencial da 408 sul.

Elas atendem com o mesmo carinho e alegria que fazem as roupinhas…

Serviço

Federação Espírita do Distrito Federal

Local: 408 Sul – Brasília/DF

Telefone: 61-3443-0306

 

Da redação do SóNotíciaBoa