Vegetarianos perdem peso mais rápido em dietas, diz estudo

751
Foto: Pixabay
Foto: Pixabay

Ser vegetariano tem as suas vantagens. Na hora da dieta, quem não come carne e derivados perde peso com mais facilidade e ainda melhora o metabolismo, reduzindo a gordura muscular.

A descoberta é de um estudo publicado no Journal of the American College of Nutrition.

A perda de gordura muscular melhora o metabolismo de glicose e lipídios.

A novidade é particularmente importante para pessoas com síndrome metabólica e diabetes tipo 2, diz o autor principal da pesquisa, Dr. Hana Kahleová, diretor de pesquisa clínica no Physicians Committee for Responsible Medicine, em Washington, D.C..

Na pesquisa, setenta e quatro pessoas com diabetes tipo 2 foram aleatoriamente escolhidas e orientadas a seguir uma dieta vegetariana, ou uma dieta antidiabética convencional.

A dieta

Na dieta vegetariana entraram vegetais, grãos, legumes, frutas e nozes, com produtos animais limitados ao máximo de uma porção de iogurte com baixo teor de gordura por dia.

A dieta diabética convencional seguiu as recomendações oficiais da European Association for the Study of Diabetes (EASD).

Ambas as dietas tiveram limite de 500 quilocalorias por dia em comparação com uma ingestão isocalórica para cada indivíduo.

A dieta vegetariana foi comprovadamente quase duas vezes mais eficaz na redução do peso corporal e resultou em uma perda média de 6,2 kg, em comparação com 3,2 kg para a dieta convencional.

Usando a ressonância magnética, o Dr. Kahleová e seus colegas estudaram o tecido adiposo (armazenamento de gordura) nas coxas dos participantes para ver como as duas dietas diferentes afetaram a gordura subcutânea, subfascial e intramuscular – isto é, gordura debaixo da pele, na superfície dos músculos e nos músculos internos.

Melhora muscular

Eles descobriram que ambas as dietas causaram uma redução similar na gordura subcutânea.

No entanto, a gordura subfascial foi reduzida apenas em resposta à dieta vegetariana e a gordura intramuscular foi mais reduzida pela dieta vegetariana.

Isso é importante porque o aumento da gordura subfascial em pacientes com diabetes tipo 2 tem sido associado à resistência à insulina, portanto, reduzir isso poderia ter um efeito benéfico sobre o metabolismo da glicose.

Além disso, a redução da gordura intramuscular pode ajudar a melhorar a força muscular e a mobilidade, particularmente em pessoas mais velhas com diabetes.

Com informações do Hypesciense