Mapa com 5 mil projetos sociais mostra os mais próximos da sua casa

3568
Foto: reprodução / Caçadores de Bons Exemplos
Foto: reprodução / Caçadores de Bons Exemplos

É tempo de ficar em casa, mas não de braços cruzados. Agora dá para ajudar projetos sociais próximos da sua casa – que você nem sabia que existem – e que certamente estão enfrentando dificuldade com a falta de doações provocada pelo isolamento social.

Já são 5.400 ações de solidariedade no Brasil que foram mapeadas por geolocalização e estão reunidas no site do Caçadores de Bons Exemplos.

A ideia é “conectar quem pode ajudar com quem precisa de ajuda e fazer com que as pessoas possam identificar rapidamente os projetos que atuam em sua cidade, ajudando aqueles que estão na linha de frente, trabalhando para combater a fome, a desigualdade, a pobreza e, agora também, essa pandemia de COVID-19 que assola todo o mundo”, disseram Iara e Eduardo, do Caçadores de Bons Exemplos, ao SóNotíciaBoa.

Com um mapa “fica mais fácil para quem quiser ajudar a identificar as iniciativas mais próximas, coletar os contatos e diagnosticar como as pessoas podem ajudar da forma mais efetiva”, explicaram.

Há quase uma década o casal Iara e Eduardo, viaja o Brasil para conhecer e compartilhar histórias de projetos e iniciativas sociais “para que os exemplos sejam inspiração e incentivo para outros movimentos”.

Pandemia

Eles contam que esses tempos de isolamento social fizeram “com que as visitas e cadastramentos de novas iniciativas fosse repensado e adaptado à nova realidade”.

E o mapa de geolocalização, criado com apoio de uma rede de voluntários digitais, aumenta o número e a visibilidade das ações sociais, que “estão sendo cadastradas por gente de todo o país e sendo somadas ao mapa do Brasil”.

“Ter um lugar que sirva de referência para essa busca, democratiza, facilita, engaja, apoia e regenera todas as partes envolvidas nessa missão de disseminar e transmitir um vírus do bem que seja capaz de fazer com que o maior número de pessoas sobreviva a tudo que o mundo vive hoje”.

Força do bem

“Nós sempre soubemos da força do bem, sempre acreditamos que todas as pessoas podem ser a mudança e a transformação no mundo. Rodamos mais de 1 milhão de quilômetros desde que entendemos nosso propósito e vimos a realidade que já era difícil das ações sociais no nosso país antes da pandemia. Agora, nosso trabalho é mostrar o caminho para o maior número de pessoas possível que queiram ajudar”, diz o casal.

Clique aqui para acessar o mapa e ajudar

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa