Jovem violinista encontra solução pra relaxar gatinha abandonada. Vídeo

Foto: Instagram
Foto: Instagram

A música acalma a alma e os gatinhos ansiosos. A violinista Esther Abrami que o diga.

A jovem francesa recentemente descobriu a chave para manter a gatinha Rémila sob controle e ao mesmo tempo, se divertindo.

Esther cria gatos para o abrigo da Associação Féli-Cité e, em setembro, recebeu a gatinha.

Logo, ela percebeu que era inquieta como todo filhote.

Rémila começou a chorar sempre que não estava sendo abraçada, o que acabou prejudicando os ensaios matinais da violinista.

Foi então que Esther teve a ideia de colocá-la numa pochete. E funcionou.

A música deixou a gatinha hipnotizada conforme podemos assistir no vídeo. (abaixo)

No final da sessão de musicoterapia, Rémila dormiu.

Viralizou

Veja o que Esther escreve no seu post que fez sucesso nas redes sociais:

“Ela chora quando a deixo no chão, então aqui está o que eu fiz

1. Início da minha sessão de prática
2. Fim da sessão

História da Rémila: Esta gatinha foi abandonada mas felizmente resgatada pelo abrigo de gatos@association_feli_cite.

Cuidei dela na semana passada.

Quando ela chegou, tinha menos de 400 gramas, estava com medo e tinha problemas respiratórios por ter sido abandonada e ficado ao relento por vários dias.

Fico feliz em dizer que após 7 dias de mamadeiras e carinhos constantes, Rémila se tornou uma das gatas mais simpáticas que já vi.

Ela me segue absolutamente em toda parte da casa e se recusa a ser deixada sozinha no chão.

Ela está sempre no meu colo ou na pochete”, conta Esther no post.

Assista a reação dela:

 

View this post on Instagram

 

She cries when I leave her on the floor so here’s what I did 😂 1. Start of my practise session 😻 2. End of session 😴 – Rémila’s story: This kitten was abandoned but thankfully rescued by the cat shelter @association_feli_cite As a host family I took care of her for the past week. When she arrived she was less than 400 grams, scared and had breathing issues from having stayed outside for several days. I’m happy to say that after 7 days of milk bottles and constant cuddles Rémila has now become one of the friendliest cats I’ve ever seen. She follows me absolutely everywhere around the house and refuses to be left alone on the floor. She is always either on my laps or in her little bag around my waist! #AdoptDontShop

A post shared by Esther Abrami (@estherabrami) on

Com informações do Inspire More