Paciente deixa UTI após 101 dias e vê filha andar pela 1ª vez: Covid

Guilherme com a equipe ao deixar a UTI - Foto: divulgação
Guilherme com a equipe ao deixar a UTI - Foto: divulgação

Emoção em Curitiba. Um paciente que se recuperou da Covid-19 deixou a UTI após 101 dias e viu a filhinha dele andar pela primeira vez.

Guilherme Kovalski Lima de 35 anos, lutou mais de 3 meses contra a doença. Diabético e hipertenso, ele foi diagnosticado e internado no Hospital Marcelino Champagnat no dia 28 de julho, com quadro de trombose pulmonar, uma das piores complicações da doença.

Na época, a filha de um ano dele estava começando a dar os primeiros passos, mas nesta sexta, 6, do alto da janela do quarto, ele conseguiu ver a pequena andando sozinha, durante uma homenagem que a família preparou para Guilherme.

Houve uma serenata com balões pra ele.

“Vimos que a saída da UTI seria um momento especial. São ainda mais de 100 balões, simbolizando cada dia que ele ficou internado. Como cada um tem uma mensagem, onde cair, uma pessoa saberá da vitória”, disse Jaqueline, esposa de Guiherme ao BandaB.

De uma varanda do hospital, ele recebeu homenagens e não conseguiu conter a emoção.

A luta

Jaqueline Lima lembra que a família viveu meses muito difíceis.

“Eu só pude ver meu marido após 30 dias de internamento e ele estava muito debilitado. Como foi difícil ver ele daquela forma, mas foi uma grande oportunidade para dizer o quanto a gente ama ele e como Deus estava cuidando de tudo”, relatou.

O médico intensivista da UTI, Jarbas Motta Junior, conta que Guilherme ainda terá que permanecer mais uns dias no hospital para completa recuperação.

“Apesar de ser jovem, Guilherme tinha alguns fatores de risco. Então, ainda vai passar alguns dias internado fora da terapia intensiva e mesmo em casa vai precisar do acompanhamento da fisioterapia, fonoaudiologia e de enfermagem. Mas ele é um vitorioso e já faz parte da nossa família”, disse.

Vitória do paciente e dos profissionais da saúde.

“Ele foi um vitorioso e a gente sempre preza em fazer uma homenagem, já que isso também mostra uma vitória nossa e nosso engajamento para recuperar o paciente, que é nosso objetivo principal”, comentou.

Guilherme ainda vai ficar internado no hospital por mais três semanas até se recuperar totalmente.

 

View this post on Instagram

 

Paciente deixa UTI após 101 dias e vê filha andar pela 1ª vez: Covid Emoção em Curitiba. Um paciente que se recuperou da Covid-19 deixou a UTI após 101 dias e viu a filhinha dele andar pela primeira vez. Guilherme Kovalski Lima de 35 anos, lutou mais de 3 meses contra a doença. Diabético e hipertenso, ele foi diagnosticado e internado no Hospital Marcelino Champagnat no dia 28 de julho, com quadro de trombose pulmonar, uma das piores complicações da doença. Na época, a filha de um ano dele estava começando a dar os primeiros passos, mas nesta sexta, 6, do alto da janela do quarto, ele conseguiu ver a pequena andando sozinha, durante uma homenagem que a família preparou para Guilherme. Houve uma serenata com balões pra ele. De uma varanda do hospital, ele recebeu homenagens e não conseguiu conter a emoção. A matéria completa está no SoNoticiaBoa.com.br Acesse o link na bio Fonte: LadoB Fotos e vídeo: divulgação #sonoticiaboa #noticiaboa #curado #recuperado #covid_19 #curitiba #pai #homenagem #serenata #filha #andar #primeiravez #emoção

A post shared by Só Notícia Boa (GoodNews)🇧🇷 (@sonoticiaboa) on

Com informações do BandaB