Músico toca em local de vacinação para agradecer imunização

729
Jovem violoncelista tocou clássicos da música popular brasileira - Foto: Prefeitura de Recife
Jovem violoncelista tocou clássicos da música popular brasileira - Foto: Prefeitura de Recife

O violoncelista Eugene Lamy Alves, de 28 anos, emocionou profissionais de saúde e pessoas que estavam na fila de imunização contra a covid, no Parque de Exposições de Animais, em Recife, Pernambuco.

O músico foi até lá para tocar e agradecer. Ele conta que a ideia foi uma forma de homenagear a todos os profissionais envolvidos na campanha de vacinação e acalmar a população na fila.

“A música nos traz ao local presente, nos faz refletir. Acredito no poder que há na música de nos fazer vivenciar o local. A história nos mostra que, em meio à crise, a saída é justamente pela expressão artística, por esse olhar para a cultura”, declarou.

Repertório especial

Eugene escolheu clássicos da música popular brasileira para a pequena apresentação. No repertório apresentado pelo músico no centro de vacinação, estavam canções como “Carinhoso”, de Pixinguinha, “Paciência”, de Lenine, “O que é o que é?” e de Gonzaguinha.

E como bom musicista, o jovem também escolheu canções internacionais marcantes, como o clássico “Suite N. 6”, de Bach. “As pessoas ficaram tocadas, só isso já bastou”, disse Eugene.

“Foi muito emocionante. Depois de tanto tempo de pandemia, naquele momento que foi anunciado a minha faixa etária, eu fiquei muito balançado. Como, para mim, a música é sagrada, algo que demonstra respeito e amor, eu quis prestar essa homenagem”, explicou Eugene.

Vai ter ‘bis’

O jovem pernambucano estuda música desde os 10 anos de idade. Ele começou no Centro de Criatividade, localizado no centro de Recife e chegou a mudar-se para a Europa, onde concluiu estudos de bacharel e mestre em violoncelo.

Eugene recebeu a primeira dose da vacina, da Pfizer, segundo ele. O imunizante requer uma segunda aplicação com intervalo de três meses, para que o esquema vacinal seja completado.

Segundo ele, uma nova apresentação na data não foi descartada. “O pessoal gostou muito e já pediram pra eu voltar para lá quando for tomar a segunda dose”, contou.

Veja um pouco da apresentação do Eugene!

Com informações de Prefeitura de Recife