Bailarina do Piauí conquista bolsa e fará intercâmbio nos EUA

-
Por Monique de Carvalho
Compartilhar
Imagem de capa para Bailarina do Piauí conquista bolsa e fará intercâmbio nos EUA
A bailarina Paula Carolina dança há nove anos e conseguiu a bolsa para a National Ballet Academy New York - Foto: divulgação

A bailarina piauiense Paula Carolina Santana Ribeiro vai levar o talento brasileiro para os Estados Unidos! Ela conquistou uma bolsa para estudar ballet em uma grande academia de dança norte-americana.

“Fui a única bailarina escolhida do Nordeste e fiquei muito feliz pela oportunidade. Vou ficar um mês fazendo aulas, ganhando experiência para aprimorar a minha dança”, comemorou Paula.

Ela terá a oportunidade de fazer um intercâmbio de dança na National Ballet Academy New York, uma das maiores do mundo. A jovem estuda em escola pública, está no 2º ano do Ensino Médio e pratica balé há nove anos.

A adolescente ganhou a bolsa após uma apresentação no FestCampos, realizado em Campos do Jordão, São Paulo.

Na oportunidade, Paula juntou-se a mais nove bailarinas e foi a única estudante nordestina a ser selecionada pela academia americana para o intercâmbio.

Experiência internacional

Para Paula, a oportunidade de fazer um intercâmbio nos Estados Unidos já é algo incrível e, durante esse tempo, poder frequentar as aulas de uma das maiores academias do mundo, é incomparável.

A jovem bailarina iniciou a carreira no ballet aos oito anos no Balé Jovem Piauí, projeto social sem fins lucrativos, e agora está formada em ballet clássico.

“Fui motivada a dançar por influência da minha prima e desde então nunca parei. A dança é minha paixão, será minha profissão e foi por meio dela que consegui ir para fora do Brasil como Alemanha, Holanda e Lisboa e visitei outros estados”, comentou.

Apoio

A conquista da Paula foi muito comemorada pelos colegas de escola da bailarina.

Helena Alves, diretora da escola onde Paula estuda, contou que a comemoração é uma forma de apoiar os talentos que saem da instituição.

“Todo ano participamos das atividades esportivas e sempre incentivamos nossos estudantes. Ficamos contentes com o resultado na nossa bailarina e buscaremos toda a forma de apoiá-la, pois estamos com o planejamento de campanhas e ações para que ela consiga seguir o seu sonho na dança”, disse a gestora.

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) vai conceder repasse financeiro à estudante da rede estadual para apoiá-la durante a estadia no intercâmbio de dança nos Estados Unidos.

Bailarina piauiense é única selecionada do Nordeste para intercâmbio de dança nos EUA - Foto: divulgação

Bailarina piauiense é única selecionada do Nordeste para intercâmbio de dança nos EUA – Foto: divulgação

Com informações de A10+