Aluna do PA conta drama de estudantes e vence concurso internacional de cartas

-
Por Renata Dias
Imagem de capa para Aluna do PA conta drama de estudantes e vence concurso internacional de cartas
A aluna Edinayana Sarmento, venceu em 1° lugar o concurso internacional de cartas. Ela contou as dificuldades diárias enfrentadas para estudar e ganhou prêmio de R$ 10 mil - Fotos: arquivo pessoal.

Uma aluna do Pará, de 15 anos, contou em um concurso internacional de cartas as dificuldades que os alunos do interior do Brasil enfrentam para estudar. Ela foi tão bem que venceu em 1° lugar!

Edinalva Sarmento escreveu sobre os desafios diários, como trajetos feitos de barco pelos rios e às vezes a pé, a insegurança e os medos dos estudantes. Com o relato, ela ganhou o 1º lugar no 52° Concurso Internacional de Redação de Cartas para Jovens, promovido anualmente pela União Postal Universal (UPU).

“Ela vai competir agora internacionalmente, e aí a gente vai aguardar o resultado porque ela vai competir com outros estudantes de diversas outras nacionalidades e se ganharmos ela vai pra Suíça”, contou a professora da menina, Layara Carreteiro.

Prêmio e comemoração

Edinayana irá em outubro para Brasília, juntamente com seus pais e com sua professora, para receber o seu prêmio no valor de R$ 10 mil. A escola também será premiada no valor de R$ 10.500,00.

A vitória de Edinayana foi comemorada pela cidade inteira. Houve carreata, em Monte Alegre, para ela!

A conquista coloca o Brasil em segundo lugar no âmbito internacional, atrás apenas da China.

A carta da brasileira

O tema do concurso foi “Imagine que você é um super herói e sua missão é tornar todas as estradas do mundo mais seguras para as crianças. Escreva uma carta para alguém explicando quais superpoderes você precisaria para cumprir sua missão”.

Edinayana Sarmento, que está no 1º ano do ensino médio, da Escola Estadual Presidente Fernando Henrique, de Monte Alegre (PA), revelou que a maioria dos alunos do Pará utiliza os rios como meio de locomoção. E detalhou este desafio diário e permanente.

Layara Carreteiro, professora da disciplina de Língua Portuguesa de Edinayana, disse que a estudante é destaque em todas as disciplinas e demonstra empenho nas atividades.

Leia mais notícias boas

Ensino de texto e leitura

Segundo a professora, a escola em período integral tem projetos de incentivo à leitura e à escrita, no Clube de Leitura.

“A produção textual a gente trabalha ao longo das nossas aulas, mas o projeto principal aqui da escola na área das linguagens é o da leitura voltado para a formação de leitores”, disse Layara.

E o acompanhamento é individual: “Eles passam o dia todo na escola, então a gente pode fazer esse acompanhamento individual com cada aluno e aí foi escolhida duas redações melhores da escola e uma era dela”, disse a professora.

O concurso

De acordo com os organizadores, este concurso internacional de cartas estimula os estudantes à escrita e à alfabetização, desenvolvendo o pensamento de forma criatividade e incentivando os conhecimentos linguísticos.

Participam crianças e adolescentes até 15 anos de idade, selecionados previamente em etapas nacionais. E a Edinayana conseguiu o primeiro lugar. Aplausos para ela!

A repercussão no município foi tanta que Edinayana participou de uma carreta junto com a equipe e os alunos da escola. Foto: Reprodução/Layara Carreteiro.

A repercussão no município foi tanta que Edinayana participou de uma carreta junto com a equipe e os alunos da escola, após vencer o concurso internacional de cartas. – Foto: Reprodução/Layara Carreteiro.

Com informações do Tapajós de Fato