Erva que desincha e acelera o metabolismo: Matchá

4704
Foto: Pixabay
Foto: Pixabay

Uma erva é a nova sensação do momento na Europa e Estados Unidos para desinchar e acelerar o metabolismo, combinação que faz emagrecer.

É o chá Matchá, que tem origem oriental.

Ele é um chá extraído da Camellia Sinensis, a mesma planta que dá origem ao chá verde, branco e preto.

O que difere um do outro é o processo de extração e produção.

O Matchá é feito artesanalmente com as folhas mais novas das plantas que são cultivadas na sombra.

Após a colheita, as folhas são trituradas lentamente em um moinho de pedra até virarem pó.

O processo de cultivo delicado garante maior concentração de clorofila nas folhas, o que ajuda a desintoxicar o organismo e a não reter líquidos.

Benefícios

O Matchá contém alta concentração de ativos como polifenóis, antioxidantes e betacaroteno, que previne doenças cardiovasculares, diabetes, câncer e envelhecimento precoce.

Outros componentes presentes no chá são a cafeína e flavonóides, que aceleram o metabolismo e facilitam a queima de gorduras.

O Matchá também apresenta ação termogênica, que aumenta a temperatura do corpo e ajuda no processo de oxidação/quebra de gorduras.

Outro benefício: o Matchá auxilia na recuperação muscular, por isso é muito recomendado às pessoas que praticam esportes e exercícios físicos.

Como ele tem L-teanina, oferece ainda sensação de relaxamento e bem-estar.

Consumo e onde encontrar

O Matchá deve ser consumido como chá, ou também em sucos, vitaminas, bolos e pães.

Nutricionistas recomendam de 15 a 20g por dia.

Para comprar o Matchá, procure em lojas de produtos naturais, ou orientais.

 

Dá pra tomar como suco

Veja a receita:

  •  200ml (1 copo) de água de coco
  • Suco de 1 limão
  • 1 colher de chá de matchá
  • 1 colher de sopa rasa de açúcar ou adoçante
  • 1 pedra de gelo

Bata todos os ingredientes no liquidificador e beba ainda gelado.

Cuidados

O chá é contra indicado em caso de sensibilidade ou intolerância à cafeína e também não é recomendado ingeri-lo antes das refeições.  Como tem taninos, ele impede a absorção de alguns nutrientes.

Com informações do Portal Konbini.