Freddie Mercury ganha homenagem 25 anos após a morte

940
Foto: PA/ENGLISH HERITAGE|Foto: Queen
Foto: PA/ENGLISH HERITAGE|Foto: Queen

No ano em que Freddie Mercury completaria 70 anos de idade – e 25 anos da morte – o grande vocalista do Queen recebeu uma homenagem singela em Londres.

A primeira casa onde ele morou – em Feltham, zona oeste de Londres – quando chegou à Inglaterra em 1966, ganhou uma placa azul na fachada.

Kashmira Cooke, irmã de Freddie e seu colega de banda, Brian May, participaram da homenagem nesta quinta, 1º de setembro. (vídeo abaixo)

“Mamãe e eu estamos muito orgulhosas e satisfeitas em honrar o nosso Freddie com uma placa azul. Ele teria ficado muito orgulhoso”, disse Kashmira na inauguração.

Brian May lembrou do dia em que conheceu Mercury, e visitou a casa, na 22 Gladstone Avenue.

“Foi aqui que eu visitei pela primeira vez Freddie, logo depois que nos conhecemos através de um amigo em comum. Passávamos a maior parte do dia apreciando e analisando em detalhes a maneira que Jimi Hendrix tocava suas canções”, disse May na cerimônia.

E o guitarrista do Queen finalizou: “É um prazer ajudar a instalar esta pequena lembrança na casa dos pais de Freddie”.

Foto: Queen
Foto: Queen

O sobrado pertenceu aos pais de Freddie, que se mudaram para a residência quando migraram de Zanzibar, na Tanzânia – onde Mercury nasceu – para a cidade inglesa em 1964.

O compositor e cantor, com uma das maiores extensões vocais da história da música mundial, morreu de pneumonia, agravada pela Aids, no dia 24 de novembro de 1991, aos 45 anos de idade.

Veja como foi a inauguração da placa e as falas de Brian e da irmã de Freddie (em inglês).

Veja agora como foi feita a placa.

Com informações do EnglishHeritage