Pesquisadores criam película para substituir ar-condicionado

7983
Foto: divulgação
Foto: divulgação

Uma invenção pode aposentar o velho ar-condicionado, que tem um preço alto para o meio ambiente por emitir gases que provocam o aquecimento global, como o dióxido de carbono e os hidrofluorcarbonetos (HFC).

Dois pesquisadores da Universidade do Colorado encontraram uma alternativa “verde” para refrigerar ambientes sem esquentar o resto do planeta, informou nesta semana pela revista acadêmica “Science”.

A invenção de Ronggui Yang e Xiaobo Yin é uma película capaz de refrescar prédios sem usar nenhum tipo de gás refrigerador — e em gastar energia.

Como

Trata-se de um filme inventado por pesquisadores da Universidade de Colorado.Ele é feito de polimetilpenteno, um plástico transparente e disponível comercialmente, com a adição de pequenas pedrinhas de vidro.

O material é transformado em lâminas com espessura de 50 micrômetros ou milionésimos de metro, e revestido de prata em apenas um dos lados.

Ao colocar a película sobre o telhado de uma casa, o lado prateado deve ficar por baixo. A luz solar é refletida pela face prateada através do plástico, o que impede o aquecimento da casa.

Além disso, o calor interno é liberado para a atmosfera graças a uma complexa relação entre o diâmetro das pedrinhas de vidro e o comprimento das ondas que escapam para o espaço.

Com informações da TheEconomist e Exame