Brasileiros Gabriel e João Victor ganham entre melhores do mundo no balé

6069
Gabriel e João Victor - Fotos: Gregory Batardon/divulgação
Gabriel e João Victor - Fotos: Gregory Batardon/divulgação

Dois brasileiros se classificaram entre os oito melhores do mundo no balé, no Prix de Lausanne 2019, na Suíça: Gabriel Figueredo e João Victor Percílio.

Durante as seleções, Gabriel e João Victor disputaram com 74 candidatos de vários países no palco do Teatro Beaulieu.

João Victor ganhou uma bolsa para estudar balé no Bourse Jeune Espoir e Gabriel Figueredo no Oak Foundation. Assista abaixo as apresentações primorosas dos dois. (vídeos)

Os campeões

Gabriel Figueredo, de 18 anos, é da cidade de Taquara, no Rio Grande do sul. Ele ficou em segundo lugar.

No ballet clássico, ele dançou uma variação de Paquita e no contemporâneo a coreografia Chroma. O rapaz é aluno da John Cranko Schule, na Alemanha.

João Victor Percílio, de 15 anos, é de Uberlândia, Minas Gerais e recebeu a sexta premiação.

João Vitor, que veio do Projeto Pé de Moleque, do Ballet Vórtice, apresentou uma variação clássica do Ballet Coppelia e a coreografia contemporânea Furia Corporis.

Prêmios

A premiação, considerada fonte para os “olheiros” em busca de novos talentos, foi no sábado, dia 9.

 

Eles foram classificados em seletivas por vídeo e também presenciais, realizadas nas cidades de Nova York (EUA), São Petersburgo (Rússia) e Goiânia (Brasil), em 2018.

Os finalistas receberão uma bolsa de estudos e terão a oportunidade de escolher entre as escolas e empresas de ballet mais proeminentes do mundo .

Assista as apresentações dos dois. Primeiro a de João Victor:

Veja agora a apresentação do outro brasileiro finalista, Gabriel Figueredo:

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa – com informações do PrixDeLausanne.

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube