Filha raspa cabelos do pai com câncer e faz surpresa pra ele: vídeo

Oscar e Natália após rasparem os cabelos - Fotos: reprodução / Instagram
Oscar e Natália após rasparem os cabelos - Fotos: reprodução / Instagram

É emocionante a surpresa que esta filha fez para o pai com câncer. Seu Oscar Bina Moraes, de 66 anos, pediu para a Natália dos Reis Moraes, de 24 anos, raspar os cabelos dele por causa da quimioterapia contra um câncer na região pélvica.

Natália, que está se formando em design de moda em Porto Alegre, no Rio Grande do sul, atendeu a pedido do pai e deixou o celular gravando as imagens.

Quando terminava de cortar os cabelos do pai, ela simplesmente pegou a mesma máquina e começou a raspar os cabelos dela também. Seu Oscar, que é engenheiro civil, gritou na hora para ela não fazer aquilo…

Mas na sequência do vídeo ele aparece mais conformado, compreendendo o amor e o apoio da filha e começa a ajudá-la a cortar os cabelos dela.

“Ele pediu pra raspar depois da segunda sessão de quimio, que já estava começando a cair o cabelo dele! […] Daí eu já estava decidida que ia raspar junto, mas de ele só descobriu no dia”, contou Natália Moraes em entrevista ao SóNotíciaBoa.

A descoberta

A família descobriu o câncer no final do ano passado e isso aproximou ainda mais pai e filha.

“Ele me agradece todos os dias por ajudar. Fica até com pena que eu fique o tempo todo ajudando ele, mas eu falo que é o mínimo que eu poderia fazer e ainda bem que eu posso ajudar”, disse a filha, que não poupou elogios ao pai:

“Ele realmente é o melhor pai do mundo. Meu melhor amigo, parceiro pra tudo! Pra ir em show, pra me levar em festa, ou onde eu fosse, ele era meu motorista particular a vida toda! Sempre muito querido. Sempre fazia compras comigo. Sempre tava presente. Eu conto tudo pra ele. Ele sempre me ajudou em tudo”, agradeceu Natália.

Ela contou que Oscar sente muitas dores e como a morfina não tem ajudado, agora, ele começou a usar óleo de cannabis.

“Ele começou a tomar recentemente, nossa homeopata nos passou. Tem dias que a gente vê melhora na hora de dormir”, disse.

Esperança

E Natália não perde a esperança.

“Eu tô sempre incentivando ele de seguir firme e forte. E ele sempre disposto a continuar lutando. Eu tenho fé que tudo isso vai passar e meu melhor amigo vai voltar a se divertir comigo”.

Vai sim, Natália. Estamos na torcida e esta reportagem é a nossa forma de mandar energia positiva pra vocês!

Assista ao vídeo dos dois:

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa