Mulher vai a lixão todo dia alimentar 40 animais abandonados: vídeo

1477
Dona Margareth alimentando cães no lixão - Foto: Acácio Medeiros
Dona Margareth alimentando cães no lixão - Foto: Acácio Medeiros

Um vídeo emocionante mostra uma mulher que vai todo dia ao lixão alimentar e levar água para 40 animais. São cães e gatos abandonados em três setores diferente do lixão.

Dona Margareth Medeiros, de 49 anos, faz isso por amor e compaixão e paga os alimentos com o “meio salário [que recebe] para arrumar a igreja e [por] lavar e engomar roupas para as pessoas […] Ela tira parte desse dinheiro para comprar ração e vacinas”, contou o filho dela Acácio Medeiros, em entrevista ao SóNotíciaBoa.

Foi ele quem produziu o vídeo e enviou ao SNB. (assista abaixo)

“Eu ajudo comprando ração, cuscuz e arroz, para ela fazer a mistura e dou R$ 50 por mês […] Até há pouco tempo ela nunca tinha recebido ajuda”, revelou Acácio.

A alegria

Há dois anos dona Margareth caminha diariamente até o lixão para ajudar os bichinhos e quando ela chega, a alegria deles pode ser vista nos rabinhos balançando.

Quando ela entra no lixão, que fica em Ipueira – uma cidade pequena do interior do Rio Grande do Norte – começa a chamar os animais pelos nomes e eles começam a seguir a mulher.

O sonho de dona Margareth é que eles sejam adotados, ou que alguém abra um abrigo para tirá-los do lixão.

Enquanto isso não acontece, ela faz a parte dela e se diverte todo dia com o carinho que recebe dos gatos e cachorros que vivem lá.

Acácio contou que dona Margareth também cria 5 cachorros e 3 gatos, na casa dela.

“Ela é um anjo que cuida dos animais abandonados […] e decidiu que sua vida seria dedicada aos cuidados e proteção dos inocentes”, concluiu o filho.

Assista:

A felicidade de dona Margareth - Foto: Acácio Medeiros
A felicidade de dona Margareth – Foto: Acácio Medeiros
Ela e alguns cães - Foto: Acácio Medeiros
Ela e alguns cães – Foto: Acácio Medeiros
Hora da comida - Foto: Acácio Medeiros
Hora da comida – Foto: Acácio Medeiros
Espalhados no lixão - Foto: Acácio Medeiros
Espalhados no lixão – Foto: Acácio Medeiros

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa