2021, seu nome é cura e o sobrenome, esperança! Bem-vindo!

2021, o ano da cura - Arte: Arisson/SNB
2021, o ano da cura - Arte: Arisson/SNB

Seu 2020 maluco, você se foi, meu caro! Deixou vários amigos queridos pelo caminho, mas eu fiquei, resisti… Tô aqui pra ver o seu fim e dizer que você foi duro, implacável… deixou um rastro de mortes, doenças, tristeza e maldade porém, foi mais um, você passou, acabou, meu velho.

Eu continuo isolado na máscara, sem abraço, sem aglomerações, mas derrotado, jamais!

Saiba que você não resistiu à solidariedade, à empatia, ao altruísmo, ao amor de seres humanos de verdade, que se levantaram e se uniram para ajudar, enquanto você maltratava e dizimava parte do nosso povo.

Sabe, no fundo eu sou grato por você ter revelado quanta gente boa existe nesse
mundo, que antes não aparecia nas TVs e jornais. E também por ter revelado a cara do vírus, que assistiu a tantas mortes com desprezo. Nós jamais esqueceremos de você, nem das mentes brilhantes que calou.

E como tudo na vida, seu reinado terminou!

Agora, seu irmão mais novo chega zerado, limpo, cheio de esperança. Com ele, a vacina que vai nos libertar do medo e da ansiedade que você espalhou.

Quer saber mais? Não vou tripudiar em cima da sua partida, não.

Vou gastar essa energia vivo, respirando, produzindo, espalhando amor, planejando o futuro e agradecendo por ter sobrevivido aos seus desmandos.

Sim, você já vai tarde e eu recebo 2021 de braços abertos, confiante na vitória da humanidade, da ciência, das pessoas que estão aqui para cuidar dos que sobreviveram aos seus 366 dias de aflição e angústia. Ano bissexto que se diz, né? Então, Xô pra você.

2021, meu amigo, seja Bem-vindo!

Você é o ano da volta do bem, da harmonia, da empatia, da consciência… da queda da ignorância, do racismo, dos preconceitos.

Seu nome, 2021 é cura e o sobrenome, esperança!

Assuma o controle e mude o rumo desse planeta!

Estamos aqui pra contar tudo o que acontecer de bom na sua nova era!

Por Rinaldo de Oliveira, da redação do SóNotíciaBoa